terça-feira, 31 de maio de 2016

Vereadores repudiam declaração do inexpressivo Ednaldo Neves


Mario Carvalho - Vereadores de São Luís utilizaram nesta terça-feira, 31, a tribuna da Câmara Municipal para repudiar supostas declarações dadas pelo ex-assessor especial do prefeito Edivaldo Holanda Júnior (PDT) e atual auxiliar do governador Flávio Dino (PCdoB).  É que em nota publicada na edição desta terça-feira, na coluna Estado Maior (Jornal O Estado do Maranhão), o inexpressivo auxiliar governamental teria chamado os 31 vereadores da capital de "malas", o que acabou gerando um mal-estar na Casa.

Quem primeiro chamou atenção sobre a gravidade do fato foi o vereador Francisco Chauguinhas (PP), que cobrou uma posição firme do Legislativo com relação ao auxiliar do governo comunista. Ednaldo Neves foi taxado de "laranja" na campanha eleitoral de 2012, supostamente para beneficiar a então candidatura do prefeito Edivaldo Holanda Júnior.

Ednaldo Neves aparece na nota do conceituado matutino por ter chamado os vereadores de "malas" e dizendo ainda que parlamentares "vivem de sangrar o prefeito" (Edivaldo).

Além de Chaguinhas, os vereadores Isaías Pereirinha (PSL), Honorato Fernandes (PT), Ricardo Diniz (PCdoB) e Rose Sales (PMB) criticaram o auxiliar e disseram que Ednaldo agrediu a Casa como um todo. Só Beto Castro (PROS) usou a palavra para defender a figura do auxiliar governamental, dizendo que ele tem serviços prestados ao município.


Aluisio Mendes anuncia que deixará liderança do PTN na Câmara Federal


Na próxima semana, o deputado federal Aluisio Mendes (PTN) deixará a liderança da bancada do Partido Trabalhista Nacional (PTN), na Câmara Federal. A decisão foi anunciada pelo parlamentar em suas redes sociais, após avaliar que não seria possível exercer a função com a dedicação necessária nos próximos meses, devido ao apoio e tempo a seus pré-candidatos nos municípios do Maranhão, o que demandará mais a sua presença no Estado.

Desde o seu primeiro ano de mandato, Aluisio tem mostrado força e articulação política ao formar um bloco na Câmara Federal com oito partidos – PSDC, PTN, PRP, PTdoB, PSL, PRTB, PTC e PMN – totalizando 18 deputados federais, o que o levou a ser escolhido para liderar o bloco, além de ser um dos articuladores do crescimento da bancada do PTN na Câmara Federal, que aumentou de quatro para 13 parlamentares.


“Assumi a função de líder por 15 meses, exercendo a função com prazer e muito orgulho, pois nas duas vezes em que fui escolhido foi por unanimidade das bancadas. Mas a liderança demanda muito tempo e dedicação, e não seria justo com meus pares não estar 100% focado nas atividades de líder, já que preciso estar mais livre para apoiar meus pré-candidatos nas eleições municipais”, declarou o deputado. Ele ressaltou, ainda, que sua decisão foi discutida com os demais membros do partido e todos entenderam sua posição. Com seu afastamento, a liderança do PTN na Câmara Federal será exercida pela atual presidente nacional da sigla, a deputada federal Renata Abreu.

Eleições 2016: Kym Lopes se reúne com Luís Fernando


O pré-candidato a prefeito de Paço do Lumiar, pelo PSC, o jornalista Kym Lopes, se reuniu com o pré-candidato a prefeito de Ribamar, Luis Fernando – PSDB,  para discutir assuntos pertinentes aos dois municípios, que se encontram em uma situação bastante parecidas, no que trata ao caos administrativo. 

Um dos temas que obteve destaque foi a questão da região metropolitana ─ um sonho antigo de Luis Fernando, que também é compartilhado por Kym Lopes. Conversaram ainda sobre arrecadação municipal e de que forma ambos deverão agir para recuperar os dois municípios, que se encontram em situação de calamidade pública, nas áreas de infraestrutura, saúde, educação e segurança pública.


Como Paço do Lumiar e Ribamar possuem muitas áreas limítrofes, novos encontros deverão acontecer para definir como será o tratamento administrativo nessas comunidades, que não podem continuar sofrendo com a exclusão do poder público, diante da alegação de que você não é problema desta ou daquela gestão. O município não pode fechar os olhos para problemas comuns a todos nós.

Udes Filho denuncia operadora OI por má prestação de serviços na Raposa




4º Poder – O comunicador Udes Filho esteve na sede do Ministério Público do Estado do Maranhão (MPE), na comarca de Raposa, onde protocolou denúncia contra a operadora OI de telefonia móvel, fixa e serviços de internet, pelos péssimos serviços prestados aos consumidores no município de Raposa.
Na representação em defesa dos interesses coletivos do povo de Raposa, Udes Filho denuncia os péssimos serviços da OI, não apenas de internet, mas também a péssima qualidade do sinal. Ligações que não completam, mensagens que não chegam e serviços cobrados de forma abusiva.

Udes Filho comunicou ao Ministério Público de Raposa, na denúncia, que no começo do mês de maio, mais precisamente sexta-feira (6),  sábado (7) e domingo (8), parte da Raposa, principalmente, nas Vilas Bom Viver, Maresia e Nova, bairros mais populosos do município, ficaram sem sinal nos celulares da Oi e, consequentemente, sem internet móvel.

Udes denunciou, também, a omissão da Oi em relação ao suporte que não é satisfatório para usuários dos serviços prestados pela emprensa no município de Raposa.

“Eu estou cansado, o povo da Raposa está cansado, os comerciantes, empresários estão cansados de tanta falta de respeito da operadora Oi […] Recebo reclamações sobre a Oi, dos usuários comuns, dos comerciantes e empresários que ficam prejudicados pela falta de responsabilidade da OI […] Eu mesmo estou há quatro dias sem ter a minha fixa funcionando e muito menos a minha internet banda larga […] Não dá mais para aceitar estas coisas […] Nós, o povo, temos que partir para cima e cobrar os nossos direitos […] Em nome do povo da Raposa, por mim, e por todos aqueles vivem prejudicados por essa emprensa, partirei com tudo contra a Oi, até que ela respeite os usuários, respeite o povo da Raposa e nos preste um serviço de qualidade”, desabafou Udes Filho.


domingo, 29 de maio de 2016

Decepcionados com a gestão falida de Edivaldo, PC do B sinaliza lançar Duarte Júnior como pré - candidato à Prefeitura de São Luís.


Faltado poucos dias para a eleição, Edivaldo de Holanda Junior ainda espera contar com o apoio do Partido Comunista do Brasil – PCdoB. Vivenciado o total desgaste na política, onde todas as categorias estão sendo desvalorizadas pela gestão, Edivaldo caminha pelo mundo com um doce meio amargo de tanta rejeição nunca já vista na história do Maranhão.

Analisando todos os cenários possíveis, já estão vendo que essa brincadeira de apoiar o desgastado prefeito será uma perda infalível para o governo do estado. No entanto, para eles era uma questão de honra reeleger EDH.

Uma fonte bem posicionada falou ao blog que já há uma frente dentro do partido pedindo a candidatura própria, pois entendem que está muito difícil a reeleição do atual gestor. O nome que ganha força é o do presidente do PROCON, Duarte Júnior. Para os comunistas, Duarte tem cacife suficiente para o PCdoB conquistar a vitória nessas eleições.


É, meus amigos, o prefeito Edivaldo de Holanda Junior ‘Edh’ deveria ficar de olhos bem abertos. Além de ter um governo desgastado, vai amargar ainda mais quando o martelo for batido pelo partido do seu padrinho político. 


Partido Progressista reúne filiados e pré-candidatos em São Luís


O presidente do Diretório Municipal do Partido Progressista em São Luís, deputado Wellington do Curso (PP), presidiu a reunião inicial de um ciclo de debates de apresentações dos filiados e pré-candidato na capital maranhense. Estiveram presentes os vereadores e pré-candidatos à reeleição Francisco Chaguinhas; Luciana Mendes e Manoel Rego, além outros pré-candidatos, veteranos e novos filiados à legenda.

Durante a reunião, que foi realizada na sede da agremiação partidária em São Luís, os vereadores, filiados e pré-candidatos demonstraram alegria para com essa nova fase do Partido Progressista que tem a união como característica. “Essa é uma ótima oportunidade para que possamos interagir e melhorar nossa defesa dos ludovicenses. Fico feliz em saber que teremos reuniões semanais. Isso enriquece o mandato de todos”, comemorou o vereador Manoel Rego.

“Reafirmo o compromisso com o Partido Progressista, com todos os filiados e com o Wellington, porque bem sabemos de sua responsabilidade. É um homem sério, comprometido com a população e é capaz de atuarmos em defesa do nosso povo de São Luís”, destacou a vereadora Luciana Mendes.

“Entre conversas pautadas em propostas, o objetivo da reunião foi garantir a construção de um Novo Partido Progressista, fazendo jus à união em defesa de uma São Luís melhor e com um olhar voltado para o social e para a comunidade”, ressaltou o Vereador Francisco Chaguinhas.

“Nós, do Partido Progressista, não queremos uma atuação isolada, individual. Acreditamos que o Maranhão, que São Luís e todos os demais municípios precisam ser encarados com seriedade. Isso exige independência, sim, mas exige também que as esferas municipal e estadual atuem em conjunto. Essa é a visão dos novos progressistas: permitir que os vereadores dialoguem entre si, ouçam os filiados, pré-candidatos e, juntos com a população, articulem ações em defesa do povo.”, afirmou o Presidente Municipal do Partido Progressista deputado Wellington do Curso.

sábado, 28 de maio de 2016

Com a decadência do governo, articulações para 2018 já começam a ser projetadas


Os últimos movimentos políticos e partidários, tanto em âmbito nacional quanto nos municípios maranhenses, começaram a clarear o cenário para as eleições gerais de 2018, quando se renovam os mandatos de presidente, governadores, senadores, deputados federais e estaduais no país. A mudança do Governo Federal e as eleições municipais têm contribuído fortemente para a formação deste cenário.

No Maranhão, há hoje três correntes distintas com o mesmo objetivo: disputar com força as eleições de 2018. O grupo principal é o do governador Flávio Dino (PCdoB), que, após vitória importante em 2014, pode definhar já a partir de 2016; e em 2018 deve se reduzir a PT, PCdoB e PDT, embora mantenha a força eleitoral pelo controle da máquina administrativa. O outro grupo é formado exatamente pela dissidência do grupo dinista, que já se movimenta com protagonismo nas eleições municipais. Este grupo é formado por PSDB, PSB, PPS, e tem no senador Roberto Rocha (PSB) e na deputada federal Eliziane Gama (PPS) seus principais personagens. Seguindo no grupo dos independentes, o deputado estadual Wellington do Curso( PP) está surpreendendo muita gente com os últimos resultados das pesquisas  realizadas na capital,  onde o pré- candidato ameaça o atual prefeito de São Luis de ficar de fora do segundo turno, Wellington do Curso é mais uma nova liderança forte na capital maranhense e mostrou que vai dá trabalho pra muita gente. 


O terceiro grupo começou a se recompor agora, alimentado, sobretudo, pela mudança do Governo Federal, com a ascensão de Michel Temer (PMDB) à presidência da República. Tem entre seus representantes mais visíveis o ministro do Meio Ambiente, Sarney Filho (PV), o Vereador Fábio Câmara, uma liderança forte, que tem se destacado por sua atuação, e hoje e pré - candidato a prefeitura de São Luis, Câmara chega com condições reais de sair vitorioso na disputa eleitoral e o ex- ­candidato a governador Lobão Filho (PMDB), que deve assumir em junho uma vaga no Senado Federal.

Fábio Câmara 


Além deles, surge com força a prefeita de Lago da Pedra, Maura Jorge (PTN), tida hoje como o principal contraponto a Flávio Dino no interior maranhense.


A própria movimentação política de cada grupo definirá o seu caminho em 2018. Não significa, no entanto, que o grupo liderado por Roberto Rocha, por exemplo, não decida, na “hora H”, realinhar-­se ao grupo do governador Flávio Dino; ou que haja, por outro lado, uma aproximação da aliança PSDB/PPS/ PSB com o grupo formado por PV/PMDB. Tudo dependerá também das eleições municipais, onde cada grupo trabalha forte para eleger o maior número de prefeitos alinhados. E não se pode descartar, também, a participação de outros personagens na disputa, como os ex­- governadores Roseana Sarney (PMDB), José Reinaldo Tavares (PSB).



sexta-feira, 27 de maio de 2016

Raimundo Filho poderá ser o candidato do governo a prefeitura de Paço do Lumiar



O afastamento da presidente Dilma Rousself, o fortalecimento do PMDB e a ameaça do PSDB de romper com o PCdoB no Estado, tem deixado o governador Flávio Dino bastante preocupado.

Segundo fontes, o PSDB já teria deixado claro sua decisão de não reeditar a aliança firmada com o PCdoB que levou Flávio Dino a conquistar o governo do Estado em 2014.

A possibilidade de perder as prefeituras dos quatro municípios da Grande São Luís, é outro motivo que vem tirando o sono do governador, que já perdeu a prefeitura de São José de Ribamar e está em vias de perder também a de São Luís .


Os principais caciques do PSDB se articulam para indicar o suplente de senador Pinto Itamaraty como vice na chapa de Eliziane Gama.

Em Paço do Lumiar, Flávio Dino estaria encontrando dificuldades para viabilizar a pré-candidatura a prefeito do ex-deputado federal Domingos Dutra, que mostra um fracasso total para aglutinar aliados e dá sinais de estagnação.

A falta de recursos para bancar a campanha, a incerteza na divisão do poder afasta aliados e cria um descontentamento entre integrantes de seu grupo, que ameaçam romper e defender uma outra pré-candidatura.

Raimundo Filho
Com a derrota batendo as portas do Palácio, aliados de Flávio Dino investem na pré-candidatura de Raimundo filho (PT) à prefeitura de Paço do Lumiar. Segundo fontes, Raimundo Filho tem mais facilidade em articular e manter aliados que Domingos Dutra e mostra menos rejeição entre o eleitorado luminense.


No município de Raposa, o governador se esforça para eleger Talita Laci, que chegou a assumir a prefeitura do município, após o prefeito Clodomir ser afastado pelo Tribunal Regional Eleitoral (TRE) em fevereiro de 2015.

Talita Laci
Apesar de liderar as pesquisas, há quem afirme que Talita Laci poderá perder as eleições caso a oposição resolva decidir se unir entorno de uma única candidatura.



Operação da PRF apreende caminhões carregados de madeira


A Polícia Rodoviária Federal (PRF) apreendeu uma carreta que transportava madeira de forma irregular em Santa Inês, cidade localizada a 250 km de São Luís. Durante uma abordagem de rotina, a PRF interceptou o veículo que trafegava de Castanhal do estado do Pará com destino ao Rio Grande do Norte.

Dentro do veículo estava 25 metros cúbicos de madeira serrada. Os policiais constataram que a carga ultrapassava a quantidade permitida para o transporte. O excesso de carga foi só um dos motivos que levaram a Policia Rodoviária Federal a apreender o veículo.

Segundo o policial rodoviário, Paulo Carneiro, os documentos do veículo já estavam vencidos e no Documento de Origem Florestal (DOF) a variedade de madeira não estava discriminada na nota.

“O documento estava vencendo hoje. O destino dele [Motorista] era o Rio Grande do Norte. Ele não iria chegar a tempo com esse documento, com o prazo bem em cima, bem próximo ao vencimento. O perfil, corte da madeira bem divergente do que estava declarado no DOF, que é o Documento de Origem Florestal. Então, quando vem a madeira com o corte, o perfil que diverge do que está declarado no DOF isso é motivo para apreensão porque, na verdade, se trata de uma madeira ilícita”, explicou o policial.

A PRF alerta que as fiscalizações estão cada vez mais rigorosas. Do começo do ano até neste mês, já foram apreendidos mais de 15 veículos que faziam o transporte irregular de madeira. “Dia e a noite, a gente está sempre fiscalizando e não tem hora especifica pra gente fiscalizar”, finalizou o policial.


A madeira apreendida foi encaminhada para o Instituto Brasileiro do Meio Ambiente e dos Recursos Naturais Renováveis (IBAMA). O responsável pelo carreta necessitará de uma autorização judicial para resgatar o veículo de volta.

Eidimar Gomes trata com Canindé Barros melhorias no trânsito e transporte do Itaqui-Bacanga


A vereadora Eidimar Gomes (PSDB) esteve reunida, essa semana, com o Secretário Municipal de Transportes e Trânsito (SMTT), Canindé Barros, com a finalidade de debater melhorias no setor para os bairros da região Itaqui-Bacanga. Durante o encontro, a parlamentar tucana solicitou a urgente implantação de sinalização vertical e horizontal nas diversas avenidas que cortam aquela região.

“Moradores da região nos informaram que as vias não possuem sinalização, sendo que as poucas existentes estão quase invisíveis. A medida visa proporcionar mais segurança aos motoristas e pedestres que transitam diariamente pelas vias de diversos bairros daquela área”, enfatiza a tucana.

Além do pedido de sinalização trânsito, Eidimar Gomes reiterou ainda ao secretário Canindé Barros, a implantação de uma linha de ônibus que atenda os bairros Gancharia, Fumacê e Alto da Esperança, localizados na área Itaqui-Bacanga.  Em sua sugestão, ela pediu que a linha a ser criada passe integrar o Terminal da Praia Grande.


"Esta solicitação tem por objetivo diminuir os custos com passagem atendendo a uma grande camada da população que reside nestes bairros e que em deslocamento é penalizada pagando várias passagens", declarou a tucana.

Prefeito de Nova Colinas é preso por suspeita de desvios de verbas



O prefeito de Nova Colinas (MA) – cidade localizada a 734 km de Sâo Luís, no sul do Maranhão –, Elano Martins Coelho (PRB), foi preso na madrugada desta quinta-feira (26) no município vizinho de Balsas (MA), por equipes da Superintendência Estadual de Prevenção e Combate à Corrupção (Seccor), por suspeitas de desvios de verbas públicas no município.

A prisão é resultado das investigações sobre casos de agiotagem em prefeituras do Maranhão, como afirmou ao G1 por telefone o secretário de Estado da Segurança Pública, Jefferson Portela. Detalhes sobre a prisão e qual o volume de dinheiro desviado ainda não foram divulgados.


Segundo o delegado-geral de Polícia Civil do Maranhão, Lawrence Melo Pereira, o prefeito vai ser transferido para São Luís, chega à capital maranhense pela tarde e será apresentado pela SSP-MA em entrevista coletiva à imprensa.

Kym Lopes segue se articulando em Paço do Lumiar



O jornalista e pré-candidato a Prefeitura de Paço do Lumiar, Kym Lopes, segue se articulando  com dezenas de lideranças de  diversas comunidades do município. O que mais chama a atenção é o fato de Kym ser o único pré - candidato que está se movimentando. Assim, já possui vários apoios e está ouvindo a população, para montar o seu plano de governo com a ampla participação popular.


Abaixo várias imagens dos últimos movimentos do pré-candidato no Município. 

Kym Lopes cercado de lideranças de Paço do Lumiar  




Kym Lopes com as Índias do o Boi de Iguaíba 

Kym Lopes cercado de lideranças de Paço do Lumiar  

Kym Lopes cercado de lideranças de Paço do Lumiar  


Kym Lopes cercado de lideranças de Paço do Lumiar  










Kym Lopes ao Lado do Pr. Mota







quinta-feira, 26 de maio de 2016

Governo atende solicitação de prefeito e recapeia estrada em Anajatuba





Atendendo pleito do prefeito de Anajatuba – Sydnei Pereira – o Governo do Estado, por meio da Secretaria de Infraestrutura – vem realizando o recapeamento asfáltico da MA/324, que liga a BR/135 a sede do município. 

“Essa obra foi recebida com muita alegria pelos nossos conterrâneos, por isso agradecemos o apoio que estamos recebendo do governador Flávio Dino, já que sem a ajuda do governo, certamente, neste momento de crise, não seria possível a realização do serviço, ”, afirmou Sydnei.

Desde que assumiu o comando do Executivo, em outubro do ano passado, por força de uma determinação judicial, o prefeito não vem medindo esforços para melhorar a qualidade de vida dos anajatubenses, e em apenas 07 meses de administração, várias ações já melhoraram, consideravelmente, as condições de vida da população.

“Estamos trabalhando com intuito de melhorar a saúde, educação e infraestrutura na nossa cidade, e muito embora tenhamos consciência do muito que já foi feito, como a revogação da lei que congelava o salário dos professores, pagamento do salário mínimo ao magistério acima do piso nacional, distribuição de mais de quatro milhões de litros de água potável em todos os povoados, os quais sofriam com falta d´água, aquisição de mais uma ambulância, realização de ações sociais direcionadas aos idosos, crianças, mulheres, contratação de vários profissionais da área da saúde, sabemos que ainda muita coisa ainda precisa ser feita”, pontuou o prefeito.



No próximo dia 22 de julho, quando a cidade estará completando 162 anos, uma vasta programação será desenvolvida pela Prefeitura. Na programação, entre outras coisas, várias inaugurações serão realizadas. “Estaremos inaugurando 03(três) Unidades Básicas de Saúde, 03 poços dos 18 que estão sendo construídos, 02(duas) pontes e, ainda, 03(três) aterros, os quais irão permitir a interligação entre povoados como São Miguel, Cangapara, Lindosa, Acutinga e outros”, finalizou.


"O governo é incapaz de combater crime organizado", dispara Fábio Câmara.

O Vereador Fábio Câmara ocupou a tribuna da Câmara Municipal de São Luís, para criticar a postura do Governo do Estado, por ser incapaz de combater o crime organizado na Capital.






LUTO NA CULTURA: Morre o cantor e compositor maranhense Papete



Blog da Dalvana Mendes - Morreu nesta quinta-feira (26) aos 68 anos o, cantor e compositor José de Ribamar Viana, o ‘Papete’. Papete lutava contra um câncer de próstata, diagnosticado este ano. O músico estava internado em um hospital em São Paulo, e o quadro havia piorado nos últimos dias.

O corpo de Papete deve ser transferido para São Luís ainda nesta quinta-feira, onde será velado na Casa do Maranhão, região central da capital maranhense.
Algumas das principais músicas do São João do Maranhão são composições de Papete como Bela Mocidade, Boi da Lua e Coxinho.

Projeto do Vereador Chaguinhas chega a mais uma comunidade

O Vereador de São Luís, Francisco Chaguinhas (PP) inaugurou na tarde da última segunda-feira (23) o VIII polo do Projeto “Casa da Família” na capital maranhense. Este polo de dança aeróbica fica no bairro Gancharia, localizado na área Itaqui Bacanga. Centenas de pessoas estiveram na aula inaugural. Com uma surpresa gradativa: cerca de 360 participantes marcaram presença, incluindo jovens, idosos e adultos. Só no primeiro dia foram 378 inscritos no projeto.




Feliz pelo sucesso do projeto, Chaguinhas falou com entusiasmo de poder levar saúde através do esporte para milhares de pessoas. “Estamos no caminho certo, pois esse projeto a cada dia cresce e é aprovado pela população. Há dez anos venho cumprindo com o meu dever. Antes mesmo de eu ser vereador de São Luis, eu já tinha esse projeto desenvolvido no bairro do São Cristovão. Hoje, depois que fui eleito, eu o ampliei mais ainda, para atender a vários bairros de nossa querida e amada cidade de São Luís. Estamos no caminho certo, levando ao nosso povo um projeto como esse, que traz grandes benefícios para eles” – disse Chaguinhas.




O Projeto “Casa da Família” vai completar 10 anos de existência, sendo ampliado a todo o momento em diversos bairros da capital.  Atualmente, o projeto já existe em oito bairros da grande ilha. São eles: São Cristovão, Ipem São Cristovão, Pirapora, João de Deus, Janaína, Vila Maranhão, São Raimundo e agora no bairro Gancharia, tendo o Vereador Francisco Chaguinhas como idealizador deste projeto. O bom disso tudo, é que está virando escola, onde vários parlamentares ludovicenses já estão implantando em suas bases.


Investimento de Impacto Social é debate entre empresas maranhenses


Uma das organizações pioneiras no trabalho com investimento social privado no Maranhão, o Instituto de Cidadania Empresarial do Maranhão (ICE-MA), vem há 15 anos reunindo empresas maranhenses dos mais variados ramos, promovendo e estimulando o desenvolvimento sustentável e participação cidadã por meio da articulação de empresas, pessoas e poder público. Por iniciativa do Instituto, recentemente, empresários do estado tiveram oportunidade de participar do evento “Café com Investidores de Impacto Social”.

O evento, que teve a parceria com a Associação Comercial do Maranhão (ACM) e a Associação de Jovens Empresários do Maranhão (AJE), foi o primeiro de uma série de atividades que serão realizadas em comemoração aos 15 anos da Entidade.

No café, foram apresentadas as experiências de algumas empresas que estão transformando a vida de milhares de brasileiros, principalmente os de baixa renda, através da atuação de seus empreendimentos. É o chamado “investimento de impacto social”, um tema novo entre o empresariado, mas que vem ganhando destaque no cenário econômico por apresentar atuações plausíveis à sustentabilidade econômica do negócio, aliado à geração de emprego e renda, além de incidir sobre uma deficiência social, podendo transformá-la positivamente.

Para o Gerente de Comunicação da CEMAR, um dos palestrantes, Carlos Hubert, o maior desafio da Companhia é poder converter as ações da empresa para os Objetivos do Desenvolvimento Sustentável (ODS). Os ODS foram aprovados em 2015 pela Organização das Nações Unidas e congregam dezessete objetivos a serem alcançados até 2030.

O coordenador de aceleração da Artemísia, uma organização sem fins lucrativos, de fomento ao Investimento de Impacto Social, Renan Rego, que também palestrou, afirmou que o nordeste está na linha de interesse dos investimentos de impacto social: “O nordeste por ser uma região que em geral os problemas são cada vez mais complexos, o endereçamento das soluções de impacto tendem a ser cada vez mais nessa região”, destacou.

Renan resumiu os passos que o empresariado deve adotar para o impacto social: Ver quais são os principais problema sociais do Brasil; Identificar quais os principais problemas sociais no setor em que a empresa atua e enxergar uma oportunidade de como ele pode gerar o impacto para a população de baixa renda, seja gerando renda, diminuindo o custo de transação, seja diminuindo a posição de vulnerabilidade.

quarta-feira, 25 de maio de 2016

Aluísio Mendes alerta para atos de vandalismo em São Luís e destaca projetos em defesa da Segurança Pública


O deputado federal, Aluísio Mendes (PTN), mais uma vez expressou a sua preocupação com a forma ineficaz com que vem sendo tratada a Segurança Pública no Maranhão, especificamente no tocante aos ataques a ônibus em São Luís, que vem ocorrendo desde o último dia 19.  
 
Para o parlamentar, que defende mudanças na Legislação e tem pautado o seu mandato em defesa da Segurança, é inaceitável que a população continue à mercê da criminalidade.  
 
“A população de São Luís precisa voltar a se sentir segura. É inaceitável saber que autores de ataques a ônibus na capital maranhense em 2014 já estavam soltos e voltaram a praticar o mesmo crime agora. Os criminosos presos pela polícia devem pagar por seus atos. Fui eleito deputado federal com o compromisso de buscar o fortalecimento da segurança pública no nosso país, em especial, no nosso Maranhão. Por isso, uma das minhas linhas de atuação é propor alteração na legislação brasileira, que a meu ver, favorece a criminalidade e deixa a população cada vez mais apavorada, com a sensação de que a impunidade prevalece”, declarou o deputado, que é agente federal e ex-secretário de Segurança do Maranhão.
 
Dentre as atuações em favor da Segurança Pública, Aluísio Mendes apresentou dois importantes Projetos de Lei, de sua autoria, para aprovação na Câmara dos Deputados: um, é o PL 3718/2015, que altera os requisitos para o cumprimento de pena e concessão do livramento condicional. Ele propõe, entre outras alterações, que o preso só tenha direito a progressão quando tiver cumprido pelo menos dois quintos da pena no regime anterior e ostentar bom comportamento carcerário comprovado por uma equipe multidisciplinar de avaliação. O outro Projeto propõe que aumente de 30 para 50 anos o limite temporal de cumprimento das penas privativas de liberdade, a fim de que seja alcançada a proporcionalidade necessária entre esse patamar e a expectativa de vida atual da população.
 
O deputado Aluísio também foi autor da Proposta de Emenda Constitucional (PEC) que prevê a redução da maioridade penal no Brasil. Ele propôs que fosse mantido o texto original da PEC 171, emenda aglutinativa que reduz a maioridade penal de 18 anos para 16 anos, e prevê a punição para todos os tipos de crimes cometidos por menores infratores.


“É a certeza da impunidade que estimula a entrada de outros jovens na criminalidade. O Brasil precisa de leis mais rigorosas para enfrentar a violência que aterroriza a nossa sociedade. Por isso continuaremos defendendo a redução para todos os casos”, enfatizou o parlamentar que apresentou, ainda, projeto que defende a concessão de benefícios às famílias de pessoas assassinadas por criminosos, em substituição ao auxílio-reclusão pago a familiares de presos

terça-feira, 24 de maio de 2016

Flavio Dino e o governo de “todos os aliados”.


Marcado por um fracassado governo em apenas dois anos à frente do Palácio dos Leões, o Governo de todos os aliados ainda insiste em afirmar e dizer que tudo que está ocorrendo é culpa dos Sarneys. Ora, meus amigos. Um governo marcado pela fragilidade e pelo retrocesso não consegue efetivar no Maranhão uma política séria e eficaz de segurança em nossa capital.

São Luís vive, hoje, em um estado caótico de segurança pública. Além disso, temos também várias pastas no governo administradas por seus aliados. Muitas das vezes, sem preparo e autonomia política para assumir uma pasta e conduzi-la da melhor forma possível. Hoje, o governo que ainda insiste em dizer que é um “governo de todos nós”, não passa de um governo “de todos os aliados”, onde o povo é esquecido  nas tomadas de decisões do poder estadual.

Marcado por essa onde de terror que a cidade passa e sem ter uma política eficaz, o que nos resta é fazer como diz a música de Flávio Dino: “vamos rezar e pedir a Deus que não deixemos de acreditar. Tenha fé, meu Maranhão. Tanto sofrimento já tem hora pra acabar”.



Prefeitura de Bequimão recupera ponte no povoado Macajubal

A ponte na estrada do povoado Macajubal, destruída há uma semana pelas fortes chuvas que caíram na região, está sendo recuperada pela Prefeitura Municipal de Bequimão. No lugar da ponte de madeira, estão sendo colocados tubos de concreto (bueiras), que têm maior durabilidade e permitem um tráfego mais seguro.
Na administração do prefeito Zé Martins, as velhas pontes de madeira já foram substituídas por bueiras nas estradas vicinais do Marajá, Floresta, Bebedouro, Mojó, Deserto, Chega e Vira, Centrinho, próximo à nova escola do Ferro de Engomar, Santa Flor e na MA211 que liga à comunidade Quindíua e agora no povoado Macajubal.
Segundo o coordenador de Transportes, Ricardo Lemos, logo que a Prefeitura recebeu a informação sobre a queda da ponte, foi feita uma visita ao local e determinada a implantação das bueiras. “A nossa equipe entrou em ação e o trabalho está a todo vapor. A comunidade do Macajubal e povoados vizinhos, em poucos dias, terão um acesso ainda melhor”, garantiu Ricardo. O plano do prefeito Zé Martins é substituir todas as pontes antigas por esse mesmo sistema com tubos de concreto.
Veja como ficam as bueiras que estão substituindo as velhas pontes de madeira.








sexta-feira, 20 de maio de 2016

Enquanto ônibus continuam sendo incendiados, governador cruza os braços e diz que a cidade está em absoluta normalidade


Mesmo com os seis ataques a ônibus registrados na noite de ontem (19) e após quatro registrados nesta sexta-feira (20), o governador Flávio Dino (PCdoB) parece estar fora do contexto real em que se encontra a capital maranhense. Ainda que tenha realizado reunião com o Comando da Segurança, na madruga de hoje (20), o que parece é que, até o momento, nenhuma medida eficiente foi tomada. Seria incompetência administrativa ou ineficiência da inteligência da polícia?

Não se sabe ao certo, mas o fato é que o governo ainda não esclareceu à imprensa e nem à população ludovicense, que segue apavorada com as constantes ondas de terror, de que forma pretende combater esses atos. Sempre priorizando o método virtual de governar, por  meio de suas redes sociais e por nota emitida pela Secom, o governador alegou que os ataques são respostas à repressão feita ao combate do tráfico de drogas e facções criminosas nos presídios e ainda não explicou, de fato, o que levou aos atentados a coletivos dos municípios da Grande Ilha.

Usando da mesma prática do governo anterior, Flávio Dino tenta passar uma imagem de que “está tudo tranquilo” ao divulgar fotos e reuniões com a cúpula da Segurança Estadual e afirmar que medidas, ainda que invisíveis, estão sendo tomadas.

A segurança pode até estar tranquila, como garantiu o governador, mas a “mudança” não está nada favorável. E assim vamos seguindo, “Pra frente, Maranhão”!

“A proteção dos cidadãos de bem deve estar acima das divergências partidárias”, declara Aluísio Mendes sobre ataques a ônibus em São Luís



O deputado federal e ex-secretário estadual de Segurança Pública, Aluísio Mendes (PTN), em posicionamento divulgado em suas redes sociais, fez referência aos incêndios em ônibus, ocorridos nas últimas horas em São Luís, e se mostrou preocupado com os rumos que a segurança pública vem tomando no Maranhão.

“Acompanho com preocupação o noticiário sobre os ataques a ônibus ocorridos ontem à noite em São Luís, e me solidarizo com a população. Desejo que o aparato de segurança do Maranhão consiga identificar e punir imediatamente esses criminosos, devolvendo a tranquilidade aos ludovicenses”, ressaltou o parlamentar.

Sempre coerente em suas ações, Aluísio, que enquanto secretário de Segurança não teve apoio de oposicionistas na época, reafirmou o seu compromisso com o povo maranhense e a segurança do Estado, e se colocou à disposição para colaborar com o atual governo, independente de lados políticos.


“Ao contrário do que ocorreu quando eu era secretário de Segurança e tive de enfrentar situação semelhante, sem contar com nenhum apoio da oposição à época, coloco-me à inteira disposição para colaborar com o governo estadual, pois a proteção dos cidadãos de bem sempre deve estar acima das divergências partidárias”, enfatizou.