WebBanner_IPTUsite2

quarta-feira, 5 de setembro de 2018

Sem a Caixa! Zé Carlos perde aliados e ainda é eleito o pior deputado no Congresso

Deputado Zé Carlos entre os piores na câmara federal

Considerado um dos piores deputados que o maranhão já teve, o deputado federal Zé Carlos (PT) foi apontado pelo Ranking dos Políticos como um dos piores deputados do Brasil entre os senadores e deputados federais que integram o Congresso Nacional nessa legislatura.  O estudo que foi realizado em 2017, que usa como critérios os dados obtidos sobre gastos, assiduidade, fidelidade partidária e processos judiciais. Também é levada em conta a participação do parlamentar em relatorias de projetos de lei ou medidas provisórias. Os dados são de origem oficial pública, obtidos, na maior parte, nos sites da Câmara dos Deputados e do Senado Federal.

Zé Carlos aparece em situação vexatória e humilhante. Dos 594 senadores e deputados federais do país, o petista maranhense ocupa a posição 535º, tanto que no ranking sua posição pontua negativamente.

Deputado Zé Carlos: avaliação o coloca no baixíssimo clero


SITUAÇÃO COMPLICADA

Recentemente, o prefeito Américo de Sousa do município de Coelho Neto humilhou o deputado Zé Carlos (PT), onde anunciou em alto tom o rompimento da parceria eleitoral. O prefeito emitiu um comunicado anunciando o fim da parceria que os dois tinham no município, veja:

“Comunico a todos que a partir desta data encerramos nossa parceria política com o deputado federal Zé Carlos em Coelho Neto. Lamento por ter que tomar a mencionada decisão, mas foi necessária. Em 2014 contribuímos decisivamente na eleição do Zé Carlos, porém, não teremos condições de seguir com o mesmo apoio por motivos meramente políticos que não cabem ser detalhados. Desejo toda sorte ao Zé em sua jornada política. Informo que da minha parte não haverá mais nenhum tipo de manifestação sobre o assunto”. Disse o prefeito através de nota.

É meus amigos, a situação do candidato a reeleição Zé Carlos está complicadíssima e possivelmente não será reeleito.






Nenhum comentário:

Postar um comentário