Banner B

terça-feira, 17 de outubro de 2017

Vereador ameaça prender Pabllo Vittar no PR


A presença da cantora Pabllo Vittar, na abertura da 28ª München Fest, que acontece em dezembro, em Ponta Grossa, nos Campos Gerais do Paraná, provocou a revolta do vereador e pastor Ezequiel Bueno (PRB) na segunda-feira (16).
O parlamentar usou a tribuna da Câmara para afirmar que a cidade não poderia receber “esse tipo de show” por ser “conservadora”. “Quero lamentar por que vão trazer essa pessoa para Ponta Grossa, em uma cidade família. Em uma cidade que brigamos no plano de educação para tirar ideologia de gênero nas escolas. Em uma cidade que somos conservadores, pais, mães e trabalhadores”, declarou o vereador.
Ele, ligado à igreja evangélica e policial militar aposentado, também afirmou que irá prender a cantora mesmo que vá preso por abuso de autoridade. “Quem quiser ir no show pode ir sem problema, desde que não seja com o meu dinheiro. E acho que vai pouca gente. Mas se inventar de sair na rua ou nas escolas, eu vou prender. Mesmo que depois eu seja preso por abuso de autoridade, como já falei e falo de novo. Não vamos deixar isso acontecer”, declarou o vereador. (Com informações  do Paraná Portal)

Nenhum comentário:

Postar um comentário