WB-Combate-Mosquito-960x90px

sábado, 26 de agosto de 2017

Covardia? Holandinha e Moacir Feitosa se escondem para não dialogar com professores em greve há 26 dias


O prefeito de São Luís, Edivaldo de Holanda Junior, e o Secretário Municipal de Educação, Moacir Feitosa, andam se escondendo para não dialogar com os professores da rede municipal que estão em greve há 26 dias. Ontem, um grupo de professores esteve na sede da prefeitura de São Luis para protocolar um ofício, solicitando ao gestor municipal um diálogo com a categoria. Mas para surpresa dos mesmos, foram recebidos pela ignorância de funcionários que supostamente recebiam ordens para que assim fizessem.

No comando de um governo desacreditado e que vem gerando, cada vez mais, revolta da classe trabalhadora e da população, Edivaldo Holanda Júnior e seu secretariado, além de seus aliados políticos, têm representado uma era de declínio generalizado em toda a capital, que atinge educação, saúde, transporte, economia etc. O fato é que a sociedade ludovicense não tem um representante público que gerencie a cidade, bem como os impasses que surgem a partir das relações sociais, de trabalho, dentre outros.

Será por que o prefeito e o seu secretário se escondem para não dialogar com os educadores? Medo? Ou por covardia? Professores e professoras permanecerão organizados em resistência até que esse governo conceda o que é de direito da categoria e, também, garanta o direito dos alunos da rede pública municipal. Ocupar, resistir, para negociar. Verás que um professor não foge à luta. Respeito e valorização, já.

Nenhum comentário:

Postar um comentário