WB-Combate-Mosquito-960x90px

terça-feira, 6 de junho de 2017

Itamargareth Lima faz muito com pouco; Conceição Castro com muito nem o pouco



Comparar os números das ações das jornalistas Itamargareth Correia Lima, no comando da Superintendência de Comunicação da Câmara de São Luís, com Conceição Castro, à frente da Secretaria de Comunicação da Prefeitura, pode levar a conclusões equivocadas, pois ambas enfrentam realidades bem distintas. No entanto, para fazer uma comparação mais justa, citamos as principais ações de cada uma delas e as comparamos, levando em consideração os respectivos contextos. 

O orçamento que Conceição possui para investimentos no setor já chegou a R$ 23 milhões, enquanto a estimativa orçamentaria de Itamargareth não chega nem à metade desse valor. Mesmo sem recursos exorbitantes, chama à atenção os investimentos desenvolvidos pela Comunicação do Palácio Pedro Neiva de Santana, sede do Poder Legislativo. Os resultados efetivos da gestão do presidente Astro de Ogum traçam diversas conquistas no setor responsável em divulgar as ações da Casa ao ponto, por exemplo, de causar inveja a muitos aliados do prefeito Edivaldo Júnior que não conseguem sequer fazer o gestor aparecer diante dos muitos problemas que afetam as mais diversas áreas de sua gestão, incluindo, a própria Comunicação, comandada por Conceição. 

Mesmo com poucos recursos, Magá – como é mais conhecida – vem fazendo a gestão de Astro de Ogum obter grandes avanços positivos no comando do Poder Legislativo com destaques apenas para seis dos mais diversos resultados: site repaginado da Casa; impresso bimestral; informativo digital diário; transmissão das sessões ao vivo pela Rádio Difusora AM, com programas exclusivos sobre o parlamento; parceria com a TV Assembleia para divulgar as ações dos vereadores e transmissão em tempo real via internet, foram algumas iniciativas que tiveram como objetivo dar mais transparência às atividades da Câmara, além de aproximar a população do Legislativo ludovicense. 

As ações da comunicação da Casa de Leis foram tão importantes que chegaram a beneficiar o próprio prefeito de São Luís, EdeH (abreviação do nome Edivaldo de Holanda) que, de intrometido, usa o canal informativo do parlamento no rádio para divulgar as suas ações de governo.

Ao usar os espaços de mídia do legislativo, o prefeito ludovicense comprova que sua comunicação é fraca, pois mesmo com o muito recurso que o setor possui para investimentos, não consegue desempenhar nem o pouco.

A inexpressiva Conceição sequer consegue mostrar o sumiço do prefeito que só consegue reaparecer graças aos programas oficias da Câmara, colocados em práticas por iniciativa da competente Itamargarethe.

Não sabemos o que a secretária ainda faz na pasta, pois mesmo com valores que já chegaram ao patamar de R$ 23 milhões, Concita – para os mais íntimos – não conseguiu colocar em prática um sistema arrojado que permita divulgar as ações que o chefe realiza no executivo municipal.

Baseado no que foi dito, o blog faz o seguinte questionamento. Afinal, quais foram às ações realizadas por Conceição na Comunicação da Prefeitura para que pudéssemos comparar com as de Itamargarethe? A repostas é simples: NENHUMA. 

Ao longo dos últimos anos, o que vimos foram fornecedores, entre jornalistas e veículos de comunicação, reclamando de calote. A situação só fez aumentar o desgaste de quem hoje está no comando da pasta. Em contrapartida, a realidade nesse quesito é totalmente diferente na Câmara de São Luís, pois, além das ações, não há do que reclamar em relação ao tratamento dispensado aos fornecedores que estão todos em dias.

Para resumir, pessoal. Sabe qual a diferença entre a Comunicação dos dois Poderes? Simples! É que na do Legislativo existe gestão; Na do Executivo, tem uma gestão (E) de (H).

Leia mais notícias em blogdodavimax.com.br e siga nossa página no Facebook. Envie fotos, denúncias e informações ao blog por WhatsApp pelo telefone (98) 9 9124-0147.

Nenhum comentário:

Postar um comentário