WebBanner_IPTUsite2

sexta-feira, 9 de junho de 2017

Holandinha massacra os trabalhadores do Socorrão II


Técnicos e auxiliares de enfermagem fizeram um protesto em frente ao hospital Clementino Moura (Socorrão II), protestando sobre as condições de trabalho e alegando que estão há três meses sem receber salários.

De acordo com os manifestantes, cerca de 90% dos profissionais de saúde que trabalham no Socorrão II e nos hospitais municipais da capital, são contratados temporariamente e não possuem alguns direitos básicos, como vale alimentação, vale transporte, dentre outros.

O ato que, segundo eles, é apenas de advertência pode mudar de cenário caso a Prefeitura de São Luís e a Secretaria Municipal de Saúde não se manifestem sobre a situação dos trabalhadores.

Segundo a presidente do Sindicato dos Auxiliares e Técnicos em Enfermagem e Trabalhadores em Estabelecimentos de Saúde do Estado do Maranhão (Sindisaúde), Dulce Sarmento, não houve posicionamento da prefeitura.

Os profissionais de saúde, eles não estão manifestando somente por conta dos salários e sim por condições de trabalho mais dignas.

Nenhum comentário:

Postar um comentário