Banner B

sexta-feira, 7 de abril de 2017

Favoritismo de Honorato em eleição do diretório do PT de São Luís leva adversários ao desespero


O favoritismo do vereador Honorato Fernandes na disputa da presidência do Diretório Municipal do PT de São Luís tem levado seus oponentes ao desespero. Durante o  debate das chapas que concorrem ao controle do partido na capital, ocorrida nesta quinta-feira (7), alguns dos adversários de Honorato esqueceram de discutir propostas e partiram para o jogo sujo com uma sucessão de inverdades e acusações levianas contra o vereador.

O motivo de tanto desespero de alguns dos concorrentes de Honorato, incluindo um deputado estadual, tem motivo: não querem perder a hegemonia de 20 anos de desmando e locupletação no PT de São Luís. Aliás, o PT não só em São Luís como no Maranhão é um dos mais apáticos, atrasados e letárgicos do país.

Durante sua fala no debate, Honorato, que concorre pela Chapa “Unidade para Renovar”, lembrou do seu histórico de militância no PT onde desenvolve um trabalho junto às comunidades e em defesa dos direitos do trabalhador e da trabalhadora. Ele lembrou ainda da ajuda que deu a vários companheiros do PT ao longo desse anos, inclusive os inserindo na iniciativa privada.

Honorato defende o fortalecimento e a moralização do PT, que inclui o realinhamento às suas origens e o retorno da sua diretriz para a luta do mais necessitados e a defesa do trabalhador. A proposta é resgatar militantes históricos que sonham um novo momento para o partido, apesar das dificuldades conjunturais, dispondo-se a repactuar novas relações e caminhos em defesa da sociedade.

Por conta de suas propostas de um novo momento para o PT, Honorato a cada dia consegue aglutinar mais adeptos e segue se consolidando como favorito para vencer a eleição. Ele, que já foi líder do prefeito Edivaldo na Câmara e se tornou o primeiro vereador reeleito pelo PT na história da Câmara Municipal de São Luís, conta com o poio de diversas tendências da legenda, além de representantes de organizações não governamentais, sindicalistas, dirigentes, profissionais liberais, secretários de governo, movimentos sociais e militantes petistas.

O PED (Processo de Eleição Direta do PT) em São Luís está marcado para este domingo, dia 9 de abril, no colégio Cintra, escola BCA Centro, Grupo Grita Anjo da Guarda e Associação da Cidade Operária.

Nenhum comentário:

Postar um comentário