WB-Combate-Mosquito-960x90px

quinta-feira, 8 de dezembro de 2016

Casa da Família realiza evento beneficente na capital



O projeto social Casa da Família realizou na última quarta- feira (07), um aulão de dança aeróbica, sob o comando de vários profissionais da área. O evento teve como finalidade, arrecadar alimentos não perecíveis para serem doados às instituições carentes.

Para o professor de dança aeróbica, Ítalo Iago, esse momento se resume em apenas uma palavra: solidariedade. “Esse momento é muito importante para nós. Além de nos divertirmos com muita dança aeróbica, zumba e axé, ainda iremos fazer a alegria de  centenas de famílias carentes,  que precisam do alimento para passar o natal”, disse.

Quem esteve presente e dando todo o apoio possível foi o Vereador de São Luis, Francisco Chaguinhas, que parabenizou a todos pela contribuição em prol do social. “Esse é um trabalho desenvolvido com muita alegria. digo que é um sentimento humano, onde todos os envolvidos colaboraram para que o sentimento natalino possa ser levado às famílias carentes nesse natal. Todos os alimentos arrecadados são um ato de amor e carinho ao próximo”, disse.

A Casa da Família é uma instituição sem fins lucrativos, onde há 15 anos tem constribuído na inclusão de jovens, adultos e idosos. A instituição tem como presidente a Senhora Ilka Dores, e o Vereador Francisco Chaguinhas como apoiador do projeto. Além do professor Ítalo citado acima, quem esteve presente arrebentando foram as professoras Marleide Nascimento e Milena.


2 comentários:

  1. Boa tarde a todos! Só esclarecendo que esse evento nada teve haver com a casa da família e sim na associação dos moradores do ipem são Cristóvão. Todo o evento foi organizado pela própria associação. É lamentável um parlamentar usar o trabalho de outrem em benefício próprio. O senhor deveria usar ao menos o termo parceria para ser mais humilde. Lamentável!

    ResponderExcluir
  2. Boa tarde a todos! Só esclarecendo que esse evento nada teve haver com a casa da família e sim na associação dos moradores do ipem são Cristóvão. Todo o evento foi organizado pela própria associação. É lamentável um parlamentar usar o trabalho de outrem em benefício próprio. O senhor deveria usar ao menos o termo parceria para ser mais humilde. Lamentável!

    ResponderExcluir