WebBanner_IPTUsite2

domingo, 25 de setembro de 2016

Luís Fernando disputa eleição em São José de Ribamar na condição de réu

Réu por improbidade, Luis Fernando Silva debocha do judiciário maranhense.
Certidões criminais que Luís Fernando (PSDB) teve que entregar à Justiça Eleitoral, mostram pelo menos duas ações em que ele é réu, acusado por desvio de dinheiro público.
Na Ação Penal 300-70.2016.8.10.0058 que corre na 2ª Vara Criminal de São José de Ribamar, Luís Fernando é réu por fraude em licitação, conforme o artigo 90 da Lei 8666/93. Se condenado, o candidato do PSDB na cidade balneária pode pegar de dois a quatro anos, e multa.
Em outra Ação Popular a de número 3001/2016 também no Termo Judiciário de São José de Ribamar, Luís Fernando é réu por improbidade administrativa.  As principais investigações contra o tucano se debruçam sobre improbidade, crimes de responsabilidade e contra a Lei de Licitações. Vários casos são referentes ao período em que estava à frente da prefeitura ribamarense – a mesma que ambiciona retomar este ano.


O assunto já foi abordado na imprensa anteriormente, mas de forma superficial, como se o candidato ainda estivesse sendo investigado. Na realidade a coisa está mais adiantada. Luís Fernando já foi investigado, denunciado à Justiça, com a denúncia acatada, e ele responde processo como réu, aguardando julgamento.
Aos poucos vamos descobrindo que o candidato a prefeito de São José de Ribamar pelo PSDB não é exatamente a pessoa que ele tenta se passar na campanha eleitoral. Mas para a velha imprensa, só vale manchete se o ficha suja for adversário do tucano.

A “nossa querida” justiça, sempre muito preocupada em investigar políticos corruptos, parece que não ficou preocupada em julgar a ficha suja do candidato do PSDB, por conta disso, mesmo na condição de réu em processos criminais, ação de improbidade administrativa ou ação civil pública, sem condenação definitiva, Luís Fernando pode registrar sua candidatura e se candidatar nas eleições deste ano.

Nenhum comentário:

Postar um comentário