WebBanner_IPTUsite2

sexta-feira, 20 de maio de 2016

O DESTRUIDOR DE SONHOS

Descaso e abandono nas escolas da Rede Municipal
Educação ─ um bem comum para as crianças, jovens e adultos, algo de estrema importância para os que buscam em seus estudos um futuro promissor e brilhante.

Mas, infelizmente os governos  desvalorizam esse algo tão especial na vida daqueles que lutam por uma política séria.

Vamos agora falar da realidade da nossa querida e amada São Luís, hoje tão maltratada pelos governos estadual e municipal.

A educação foi uma das bandeiras mais faladas em tempos de campanha pelos gestores que se comprometeram tratá-la com carinho e total desempenho. Hoje, o que se vê é totalmente o contrario: é professor desvalorizado, são alunos que não têm uma estrutura de qualidade em suas escolas, sem falar na carga horária. O fato de a Prefeitura não ter muitos custos e por falta do lanche escolar, as crianças estão deixando as salas antes do horário. Com um descompromisso de uma gestão inútil e falida, as escolas da rede municipal, e até mesmo da rede estadual, estão todas sucateadas e abandonadas pelo poder público. Em 2012, vimos o atual gestor criticando arduamente  o ex-prefeito João Castelo por  desvalorizar a educação.

Descaso 

Hoje, o atual prefeito conseguiu acabar de vez com a educação do nosso município, conquistando o título e o reinado de pior prefeito que a capital maranhense já teve em sua história.

Observa-se, amigos, que a atual gestão se caracteriza como “o sujo” e a do ex-prefeito como a do “o mal lavado”, que juntando dá “o sujo falando do mal lavado”.

Há anos a educação nunca foi prioridade para esses governos, que só pregam a mudança nas eleições. Mas, quando passa, eles MU e o povo DANÇA.

Ainda dá tempo para a atual gestão se redimir e procurar de vez levar a educação a sério. O que está em jogo são os sonhos de milhares de crianças, que almejam por uma educação digna, justa e de qualidade. Ainda há tempo para a atual gestão se redimir para que não leve ainda mais no seu currículo o título de o “DESTRUIDOR DE SONHOS”.


Nenhum comentário:

Postar um comentário