Banner B

sábado, 2 de abril de 2016

ISTOÉ contrata Bolsonaro como editor-chefe



A capa da ultima edição da revista ISTOÉ traz uma matéria sobre as supostas explosões nervosas da presidente Dilma. A revista questiona a capacidade emocional da presidente de conduzir o país.
O teor machista da publicação fez correr o boato de que o deputado Jair Bolsonaro seria o novo editor-chefe da revista. Além de Bolsonaro, Pedro Paulo e Dado Dolabella seriam colunistas do periódico.
Outra estratégia da revista é demitir os jornalistas e publicar apenas boatos de whatsapp, como por exemplo o que diz que “Dilma está quebrando todos os móveis do Palácio do Planalto”.
Sensacionalista

Nenhum comentário:

Postar um comentário