WebBanner_IPTUsite2

domingo, 27 de março de 2016

Exacerbada a convicção de alguns que o prefeito de São Luis, hoje, tem a mínima possibilidade de reeleição.



Desgastado, sem discurso, mal assessorado, e estabelecendo a incompetência como ferramenta principal de sua gestão ─ o  terceiro aumento de tarifa do transporte público anunciado, coligado com a má qualidade oferecida pela frota de ônibus ─ geram suspeita de conluio do poder público com os empresários de transporte (há interesses escusos...).

Neste ano eleitoral, Edivaldo acabou de afundar qualquer projeto de reeleição. Perdeu força na câmara municipal, deu voz e força aos incapazes, incompetentes e bajuladores  e transformou a prefeitura de São Luis em uma fábrica de joguinhos de interesses pessoais . 
Fraco, sem comando , confunde gestão com propaganda.

Apesar  do convênio  com o governo do estado sobre o asfalto, o mesmo continua de piçarra e na lama. Logo,  sua popularidade  afunda mais e mais em cada buraco  que aparece nas ruas de São Luis.

O novo continua velho e de joelhos subjugados  aos interesses privados. Refém, ele esquece o povo  da capital,  desonrando e desrespeitando cada voto que teve. A única possibilidade de sucesso que o prefeito Edivaldo Holanda tem hoje é abandonar  completamente  a política. Sem sombras de dúvidas,  foi e, atualmente, é a maior decepção da política ludovicense da história  do estado do Maranhão de todos os tempos. 

Nenhum comentário:

Postar um comentário