quinta-feira, 31 de março de 2016

Alunos de História estão trocando de faculdade para não ter que ensinar período atual no futuro


Os acontecimentos recentes na política brasileira têm provocado uma onda de abandonos de estudantes de História no país. A ideia de que terão que explicar o momento atual do Brasil no futuro está aterrorizando os jovens alunos.
“Não conseguia dormir há mais de duas semanas. Passava a noite pensando no futuro e em como eu iria explicar a meus alunos por que a população acha que o Aécio Neves ou a volta dos militares ao poder poderia ajudar o país”, disse Mateus Silva, ex-estudante de História e atual aluno do curso de Educação Física.
Em uma universidade , um professor de História desmaiou em sala de aula enquanto tentava explicar porque ainda existem tantos brasileiros que defendem Lula atualmente. Após o incidente, metade da turma trancou a matrícula do curso.
É Complicado ..........

UEB Darcy Ribeiro sofre com a falta de água e a infraestrutura precária


 A diretoria do Sindeducação , registrou mais uma da série “Abandono das Escolas da rede pública municipal de São Luís”.

Desta vez a escola visitada foi a UEB Darcy Ribeiro, localizada na Av. dos Africanos, bairro Sacavem. A escola está totalmente abandonada – não somente nos aspectos físicos e pedagógicos, mas também por um governo imaturo que vem desassistido os problemas relacionados ao sistema educacional.

 “A Prefeitura de São Luís que já tem ampla ciência do problema e, até o momento, não teve um posicionamento concreto perante o cenário de descaso e abandono do prédio”, mencionou a presidente do sindicato, Elisabeth Castelo Branco.

Espaço comprometido

A escola está completamente comprometida – a instalação hidráulica funciona em condições subumanas, ocasionando ainda, a constante falta de água, fato que contribui para a suspensão das aulas. A instalação elétrica também comprometeu grande parte dos dias letivos em 2015 – falta de energia; salas muito quentes pela insuficiência de ventiladores; muitas tomadas não funcionam regularmente, o que impossibilita o uso de equipamentos eletrônicos. No período chuvoso, a estrutura do forro corre risco de desabamento, além da infiltração da água causando rachaduras na parede.

A unidade já foi alvo de criminosos por diversas  vezes. Os atos de vandalismo estão sendo favorecidos pela péssima infraestrutura da unidade, que não apresenta nenhuma medida de segurança e, os criminosos invadem e saqueiam com facilidade. Tudo isso, segundo os professores, gerou um atraso repentino no desenvolvimento disciplinar da escola, e o pior, problemas básicos como a falta de água e a insegurança no espaço escolar nunca foram solucionados.

Incompetência ou má gestão do prefeito Edivaldo Holanda Junior?

2016 – A atual realidade da rede de ensino municipal de São Luís é só um pequeno parâmetro da gestão do prefeito Edivaldo Holanda Junior nos anos de 2013, 2014 e 2015, onde o fruto prioritário foi sua individualidade política – nesses três anos de governo a educação foi inserida num contexto de desordem sistemática imposta por gestores incapazes de revolucionar o processo educacional do município.

Pelas imagens percebe-se um palco recheado de transtorno – e os aplausos são para inércia do prefeito Edivaldo Holanda Junior, que em três anos de gestão, arruinou o ensino municipal e continua tornando impossível os sonhos de milhares de crianças e adolescentes que almejam um futuro promissor.


 “Não vamos descansar enquanto o governo municipal não conduzir a educação como prioridade”, concluiu a professora Elisabeth Castelo Branco.

quarta-feira, 30 de março de 2016

Problemas antigos persistem na UEB Jean Norberto


A UEB Jean Norberto Coelho localizada no bairro Cidade Olímpica, cerca de 220 alunos ainda sofrem com as mesmas dificuldades encontradas em 2015 e, mesmo com várias documentações enviadas pelo corpo docente para a Secretaria Municipal de Educação (SEMED), até o momento nada mudou.

Problemas - A unidade apresenta problemas, principalmente, na rede hidráulica que causa mau cheiro e condições insalubres. A cisterna que fica na parte externa do prédio e está completamente suja, sem condições de uso; a rede de esgoto está entupida, quando chove toda sujeira transborda e o odor invade o espaço de ensino, fato que pode causar diversas doenças. Os professores também reclamam da infestação dos pombos e acúmulo de fezes desses animais na área da escola.

Já a parte elétrica do prédio está completamente danificada. Os fios estão expostos a um metro de altura das crianças, um perigo constante para alunos e professores. Além disso, há uma caixa dágua suspensa por ferros enferrujados e deteriorados, podendo a qualquer momento desabar e causar uma tragédia de proporções inimagináveis.

O prédio também apresenta goteiras, ausência de ventiladores, sistema sanitário impróprio para o uso das crianças; forro deteriorado; armários e carteiras caindo aos pedaços, ou seja, um cenário desconexo de uma educação pública de qualidade.

“Tenho que retirar todos os alunos da minha sala e levá-los para outra sala, onde o mal cheiro é menor. Não tem mais condições de ensinar num espaço desses. Crianças e professores estão sendo prejudicados”, reclamou uma professora que não quis se identificar.

Para a professora Elisandra Santos, o espaço escolar se tornou um local sem prazer, onde os problemas prevalecem. “Essas crianças necessitam de um ambiente diferenciado, mas nesta escola é impossível. Queremos uma ação imediata do governo no sentido de resolver pelo menos os problemas básicos”, concluiu.

Na última quinta-feira (24) o secretário de Educação, Moacir Feitosa, esteve na unidade Jean Norberto e viu de perto todas as problemáticas existentes. Segundo ele, ainda esta semana os problemas básicos mais urgentes serão solucionados.

Em ata, os professores da unidade decidiram paralisar suas atividades durante toda essa semana, caso contrário não irão iniciar o ano letivo.


“A diretoria do Sindicato já acompanha a luta dos professores da UEB Jean Norberto há tempos, por isso, apoia a decisão dos professores, ratificando que caso a situação não seja resolvida ainda esta semana, como prometido pelo secretário, as aulas não serão iniciadas”, afirmou a professora e dirigente do Sindeducação, Isabel Cristina Dias.

terça-feira, 29 de março de 2016

Impeachment de Dunga pode voltar a unir o Brasil



Perdendo de um a zero para o Paraguai, o Brasil pode enxergar um lado positivo na derrota parcial. Ainda no meio do jogo já começaram a surgir no Facebook as mensagens de “Fora Dunga”, que levaram a milhares de compartilhamentos. Antigos amigos que haviam brigado voltaram a se falar.
Enquanto PMDB resolveu abandonar o governo, o futebol parece também ter decidido abandonar o Brasil. O momento de união, porém, foi marcante.
“Foi um momento lindo, eu até chorei”, disse um usuário até perceber que o Brasil usava amarelo. “Aí vi que esses coxinhas têm mais é que se ferrar mesmo”

Construtora que doou R$ 10 mil ao prefeito de Pedro do Rosário faturou mais de R$ 6 milhões em contratos

O investimento na campanha do prefeito de Pedro do Rosário, José Irlan Souza Serra (PTC) virou um negócio altamente rentável à construtora Astros – Construção Terraplanagem e Comercio Ltda.  No ano eleitoral de 2012, a empreiteira doou R$ 10 mil à campanha do então candidato a prefeito. Com a reeleição de Irlan, no ano seguinte a empreiteira começou a receber a fatura: de 2013 a 2014, já foram mais de R$ 6 milhões recebidos da Prefeitura, graças a contratos conquistados após as doações eleitorais.




Feito com base em dados do TSE (Tribunal Superior Eleitoral), um levantamento realizado pelo blog mostra que a Astros Construção, registrada sob o CNPJ 02.445.026/0001-79, aparece como doadora da campanha do prefeito pedrorosariense, com o depósito no dia 04 de outubro de 2012 em “cheque” – como classifica o sistema de doação de campanha da Justiça Eleitoral – no valor de R$ 10 mil. O que a empresa já recebeu em contratos representa mais de 600 mil vezes o que foi investido por ela na campanha do prefeito.
Um dos contratos assinados com a Astros com o Executivo foi em julho de 2014. Nesse mesmo mês, a construtora ganhou sete contratos. Todos os acordos assinados estão registrados no Diário Oficial do dia 08 de agosto daquele ano e ultrapassa o valor de R$ 6.000.000,00.

CAMPANHAS MAIS BARATAS
Não existe dispositivo legal que impeça empresas contratadas por administrações públicas de fazer doações para campanhas eleitorais – desde que elas tenham sido contratadas mediante licitação. Porém, para evitar mau uso dos recursos públicos, o Congresso Nacional aprovou uma série de mudanças para as eleições deste ano.
O pleito de outubro próximo que elegerá prefeitos e vereadores de outros cinco mil municípios brasileiros terá uma série de novas regras. Entre mudanças, estão redução do prazo para campanhas e o polêmico fim das doações de empresas para candidaturas.
As medidas foram aprovadas pelo Congresso no início de setembro e sancionadas – com vetos – pela presidente Dilma Rousseff (PT) na última semana. Entre outras mudanças, está proibido uso de cavaletes, faixas e bonecos em vias públicas. A pré-campanha, por outro lado, teve suas restrições flexibilizadas e pode ocorrer em alguns casos.
Confira as principais mudanças:
Empresa não doa: Proposta de reforma aprovada pelo Congresso liberava a doação de empresas para campanhas. A presidente Dilma Rousseff, no entanto, vetou a medida. Ela se baseou em julgamento do Supremo Tribunal Eleitoral (STF), que decidiu pela inconstitucionalidade das doações do tipo. Por conta disso, eleições de 2016 serão financiadas apenas por doações de pessoas físicas ou pelo uso de recursos do Fundo Partidário – mantido por dinheiro público e repartido proporcionalmente entre partidos.
Campanha menor: A duração da campanha ficou reduzida de 90 para 45 dias. Já a propaganda eleitoral gratuita em Rádio e TV cai de 45 para 35 dias. Os blocos de horário eleitoral também tiveram redução, nas eleições para prefeito, de 30 minutos para 10 minutos. As inserções menores, no entanto, cresceram de 30 minutos por dia para 70 minutos.
Fim de cavaletes e pinturas de muros: A partir de 2016, ficam proibidos uso de cavaletes, bonecos e faixas divulgando candidaturas em vias públicas. Em imóveis particulares, poderão ser afixados papéis ou adesivos de 0,5m² (a regra antes liberava pôsteres de até 4m²). Pinturas de muros estão proibidas.
Pré-campanha liberada: Antes ilegais e que poderiam provocar punições e até cassação de candidaturas, atos de campanha anteriores ao prazo legal tiveram suas restrições flexibilizadas para 2016. Pela nova regra, políticos poderão se apresentar como pré-candidatos aos eleitores, participar de eventos partidários e até distribuir material informativo antes do prazo de definição de candidaturas. Existe, no entanto, uma restrição: eles não poderão pedir explicitamente pelo voto do eleitor.
Prazo de filiações estendido: Pela regra sancionada, quem quiser disputar eleição precisará estar filiado ao seu partido a pelo menos seis meses. Antes, o tempo de “quarentena” era maior, de 12 meses. Com isso, partidos terão até o fim de março do ano que vem para conquistar possíveis candidatos.
Janela para troca: Foi criado também período de trinta dias, antecedendo o prazo de seis meses para filiação, onde será permitida a livre troca de partidos para candidatos no último ano de mandato. Para 2016, todos os prefeitos e vereadores poderão trocar livremente de partido durante o mês de março. Antes, quem saía sem justa causa podia perder o mandato.
Propaganda em TV: Gravações externas de candidatos seguem liberadas. Uso de desenhos animados, efeitos especiais e computação gráfica estão proibidos.
O que segue igual: Doações de pessoas físicas em até 10% do rendimento bruto, contratação de pesquisas e cabos eleitorais, e uso de carros de som estão mantidos.
E MAIS:
Não são apenas as doações que estão virando um bom negocio em Pedro do Rosário. Levantamento realizado pelo blog, com base em dados oficiais do Tribunal Superior Eleitoral (TSE), Extratos de Contratos publicados no Diário Oficial do Estado (DOE) e informações disponíveis junto ao Portal da Transparência da Prefeitura, mostram ligações perigosas entre o prefeito José Irlan com empresas investigadas pela “Operação Imperador”, desencadeada em março de 2015, pela Superintendência Estadual de Investigações Criminais (Seic), para investigar o envolvimento de gestores públicos com esquemas de agiotagem para fraudar licitações na cidade.


O desencadeamento da operação resultou na prisão da ex-prefeita de Dom Pedro, Maria Arlene Barros. Na época, a Polícia cumpriu mandados de busca e apreensão em empresas localizadas em Codó, a 290 quilômetros da capital São Luís. De acordo com as informações, a cidade foi escolhida porque sediava as empresas Construservice LTDA; Rio Anil Construções e Esmeralda Construções, com quem Eduardo ‘Imperador’, um dos principais investigados, mantinha negócios. Além disso, foram cumpridos mandados de busca e apreensão na casa do Rômulo Barros, irmão de Eduardo ‘imperador’ e o bloqueio de bens de vários envolvidos, um deles foi o empresário Wesley Ferreira, um dos representantes da Construservice que assinou contrato de R$ 1 milhão com o prefeito José Irlan Souza Serra. Mas esse já é outro assunto para a próxima semana. Com Informações Blog da Dalvana Mendes

IMAGEM DO DIA: TRANSPORTE PÚBLICO SUCATEADO É A MARCA DA GESTÃO DE EDIVALDO JÚNIOR

Mais uma marca da gestão do prefeito Edivaldo de Holanda Júnior

Veja a situação do transporte público da capital. 


Falta de decoro


Vereador Alderico Campos poderá perder mandato

Vem de Paço do Lumiar a informação de que o vereador Miau Oliveira teria protocolado na Câmara de Vereadores, pedido de afastamento do vereador Alderico Campos por falta de decoro parlamentar.

Alderico teria xingado a mãe do vereador Miau durante a sessão da ultima terça-feira (22). 

Aluno nerd acusa outros alunos de terem ido para manifestação ontem só para não ter que assistir aula



Um aluno, considerado o mais inteligente da Escola Margarida Pires Leal, afirmou na presença da diretora da escola na manhã de hoje que os demais colegas de classe teriam saído ontem para as manifestações para não terem que assistir as aulas.

De acordo com da informação das escola prestada a nossa equipe, os alunos da turma só participaram do horário de educação física e logo depois fizeram requerimento na diretoria para saírem em direção as manifestações.

Em nota a coordenação da escola disse que pedirá ao Juiz Sergio Moro a inclusão das investigações do ocorrido no desenrolar da operação Lava-Jato.

Após o acontecido,  vários alunos relataram ao titular do blog que isso foi um tremendo golpe contra a democracia escolar.

Sensacionalista São Luis 
Texto editado por Davi Max

Agora Lascou : Funcionários da Santa Casa pedem ‘misericórdia’ e anunciam greve


A grave crise na Santa Casa de Misericórdia do Maranhão  está longe do fim. Depois de ter corrido o risco de fechar suas portas por causa da falta de materiais hospitalares para prestar atendimento, agora os funcionários entram  em greve nesta terça-feira (29) pela falta de pagamento dos salários.
O Sindicato dos Auxiliares e Técnicos em Enfermagem e Trabalhadores em Estabelecimento de Saúde do Maranhão (Sindsaude-MA) decidiram em   assembleia pela paralisação das atividades, por tempo indeterminado, devido  aos  constantes atrasos salarial, uma vez que o pagamento do mês de fevereiro foi quitado  no final de março e ainda só a metade.
—  Hoje, a Santa Casa está funcionando. Amanhã, eu já não sei mais—  disse Belenir, sobre a previsão de quanto tempo mais a entidade consegue permanecer endividada como está e efetuar o pagamento dos funcionários.
Segundo informações, a unidade de saúde passa por um dos piores momentos de toda a sua história, com risco de fechar as portas se não houver uma intervenção das entidades competentes.
A Santa Casa de Misericórdia é o primeiro hospital do Maranhão, com 393 anos, a unidade de saúde, emprega aproximadamente mais 390 funcionários, sua estrutura física lhe coloca como um dos maiores hospitais do estado com quase 400 leitos disponíveis em diversos setores: Maternidade, Ambulatório, Pediatria, Clinica Medica e Cirúrgica. A unidade de saúde  realiza em média 12.167 procedimentos por mês.
Blog Dalvana Mendes

segunda-feira, 28 de março de 2016

A ABOMINÁVEL FALÊNCIA DE UMA GESTÃO SEM PRINCÍPIOS




Exatamente isso que se vê nas atitudes e ações retalhadoras e inconsequentes da gestão do prefeito Edivaldo Holanda Junior, a exoneração do violonista clássico Professor João Pedro Borges, foi um duro golpe na cultura ludovicense.

A Escola Municipal de Música é um projeto do violonista João Pedro Borges que o elaborou em parceria com Victor Antonio Vieira, na época o Prefeito Tadeu Palácio, que já tinha a ideia de deixar um legado de valor para a cidade de São Luís, buscou os recursos e criou a escola por decreto, funcionou muito bem durante sua gestão e chegou a ter quase setecentos alunos, no governo do ex - prefeito João Castelo foi abandonado. Havia secretário com opinião de que violino não era instrumento para pobre e sim, para a elite, e que aprender música era desnecessário, foi nessa ocasião que as portas foram fechadas, Vergonhoso, insensato e completamente irresponsável, o ato de exoneração do Professor que sempre dedicou sua vida para ensinar música com forma de resgate e desenvolvimento social e profissional de jovens e adultos de baixa renda, um verdadeiro fabricante da engenharia da oportunidade através da cultura e da educação.

Ver.Franscisco Chaguinhas ao lado do grande mestre da Cultura 

A motivação da exoneração coincide estranhamente e exatamente com o entusiasmo do violonista com o requerimento aprovado de autoria do vereador Francisco Chaguinhas (oposição a gestão do prefeito Edivaldo), a reativação da escola municipal de música que foi aprovado por unanimidade pelo plenário da câmara municipal no último dia 18 .

Perseguição seria a palavra chave? Ou regra de gestão do governo municipal. O vereador Francisco Chaguinhas lamentou a falta de responsabilidade e pela forma que a prefeitura trata as pessoas que querem trabalhar, na ocasião, o parlamenta disse que irá implantar com recursos próprios uma escola de música nas dependências do bairro São Cristovão –, onde lá, será dado o primeiro passo de uma ação contribuinte para o desenvolvimento das crianças, jovens e adultos de nossa cidade. E lançará um desafio a Edivaldo Holanda, por em funcionamento a escola de musica municipal antes de junho. Já que o prefeito não faz o vereador Francisco Chaguinhas vai fazer.

Coincidência ou não? Mostra a total falta de princípios de uma gestão completamente descompromissada com a população, e que não merece mais nenhum crédito de aceitação, e ações desta natureza transforma o prefeito Edivaldo Holanda Junior definitivamente sem o mínimo de condição de representação do povo como chefe do poder executivo municipal, que o credencia a uma total inutilidade para um possível próximo mandato.

" O aumento das passagens de ônibus é uma afronta ao povo" repudia o Vereador Manoel Rêgo


O Vereador Manoel Rêgo também usou as redes sociais pra repudiar o aumento das tarifas de ônibus, segundo o parlamentar, esse reajuste foi mais uma afronta ao povo “ mais uma vez a prefeitura desrespeita os ludovicenses, o aumento das passagens e uma afronta ao povo, que não suporta mais conviver com um sistema de transporte irregular e sucateado, meu lamento profundo pela falta de gestão que tomou conta da prefeitura de São Luís, e digo aqui ao prefeito Edivaldo de Holanda Júnior, que não iremos aceitar esse aumento” disse

Vereador Francisco Chaguinhas repudia o aumento das passagens de ônibus



O Vereador Francisco Chaguinhas, usou as redes sociais para se manifestar contra o aumento da tarifa do transporte público, decretado pela prefeitura de São Luís na última quarta-feira, para o vereador, isso foi um golpe para a população de São Luis “é lamentável ver essa gestão que não prioriza os cidadãos da capital, vivemos hoje em um sistema público sucateado , onde não atende os interesses dos ludovicenses, a prefeitura com movimentos pensados e calculados e nada ortodoxos, aumenta a passagem e abre o edital de licitação. Muitas vezes, é preciso não tentar remediar certas situações, pois o remendo pode ficar ainda pior e a emenda ficou pior que o soneto” Declarou 

Deputado Wellington solicita ao Ministério Público providências sobre o aumento das passagens de ônibus


Na tentativa de defender os interesses da população, o deputado estadual Wellington do Curso direcionou-se, na manhã desta segunda-feira (28), ao Ministério Público Estadual, para solicitar providências quanto ao aumento abusivo das tarifas do transporte público. O pedido do parlamentar faz referência ao aumento das passagens de transporte coletivo em São Luís, anunciado na última quarta-feira (23) pelo secretário Municipal de Trânsito e Transporte, Canindé Barros, em vigor desde sexta-feira (25).

Para o deputado Wellington, um novo aumento só evidencia, mais uma vez, que a população é quem paga pela "incompetência" da Prefeitura e, assim, submete-se às cobranças excessivas.

“É evidente a deficiência do serviço de transporte na nossa cidade. Estamos diante de ônibus velhos, sucateados, o que demonstra o desrespeito com o qual o trabalhador ludovicense é tratado. Como se tais mazelas por si só não fossem suficientes, a gestão municipal nos surpreendeu com um repentino aumento. Agora, além de ter ônibus velhos como regra, a população terá que arcar com uma tarifa que afronta um princípio básico das concessões públicas: a modicidade. A tarifa tem que ser acessível e, ainda, proporcional à qualidade do serviço prestado. Foi por compreendermos que esse reajuste não está adequado à realidade econômico financeira do povo da capital que solicitamos ao Ministério Público posicionamento em defesa da população. Já que para nosso povo a incompetência e insensibilidade social do atual gestor é visível, esperamos, ao menos, que o Direito impeça a concretude dessa maldade com os mais humildes”, declarou.

Há, aproximadamente, 01 ano (no dia 30 de março de 2015), o deputado Wellington do Curso deu entrada em uma Ação Popular, no Fórum Desembargador Sarney Costa, pela anulação do Decreto Nº 46.841, assinado pelo prefeito Edivaldo Holanda Júnior (PDT), que autorizou o aumento das passagens de transporte coletivo em São Luís.

O fortalecimento da pré - candidatura de Kym Lopes

Kym Loes rodeado de lideranças 

O jornalista e pré- candidato a prefeito de Paço do Lumiar, Kym Lopes, segue se fortalecendo a cada dia, no último sábado, o mesmo recebeu a adesão de várias lideranças comunitárias do município e de profissionais de diversas áreas, onde foram bem enfáticos em declarar todo o apoio necessário a pré- candidatura do Jornalista, que vem ganhando força a cada dia no município Luminense.

Titular do Blog declarando total apoio á Kym Lopes





domingo, 27 de março de 2016

Feliz Páscoa !!!


Exacerbada a convicção de alguns que o prefeito de São Luis, hoje, tem a mínima possibilidade de reeleição.



Desgastado, sem discurso, mal assessorado, e estabelecendo a incompetência como ferramenta principal de sua gestão ─ o  terceiro aumento de tarifa do transporte público anunciado, coligado com a má qualidade oferecida pela frota de ônibus ─ geram suspeita de conluio do poder público com os empresários de transporte (há interesses escusos...).

Neste ano eleitoral, Edivaldo acabou de afundar qualquer projeto de reeleição. Perdeu força na câmara municipal, deu voz e força aos incapazes, incompetentes e bajuladores  e transformou a prefeitura de São Luis em uma fábrica de joguinhos de interesses pessoais . 
Fraco, sem comando , confunde gestão com propaganda.

Apesar  do convênio  com o governo do estado sobre o asfalto, o mesmo continua de piçarra e na lama. Logo,  sua popularidade  afunda mais e mais em cada buraco  que aparece nas ruas de São Luis.

O novo continua velho e de joelhos subjugados  aos interesses privados. Refém, ele esquece o povo  da capital,  desonrando e desrespeitando cada voto que teve. A única possibilidade de sucesso que o prefeito Edivaldo Holanda tem hoje é abandonar  completamente  a política. Sem sombras de dúvidas,  foi e, atualmente, é a maior decepção da política ludovicense da história  do estado do Maranhão de todos os tempos. 

sábado, 26 de março de 2016

JOSEMAR BRINCA DE SER PREFEITO EM PAÇO DO LUMIAR

Rua ao lado da feira do Maiobão
O Prefeito de Paço do Lumiar, carinhosamente chamado por Josemal, parece que perdeu o gosto de estar à frente do município. É que desde que assumiu a prefeitura, Josemar não aparece mais nas ruas e muito menos mostra trabalho.  Hoje, o blog traz mais uma irresponsabilidade da gestão do “Mal” ─ a feira do Maiobão vive em um estado de abandono, sem estrutura necessária para atender à comunidade luminense, além das precárias condições de trabalho que os feirantes enfrentam, como ruas cheias de buracos que parecem um tábua de pirulito. Sem condições para estar à frente do município, resta só uma opção para Josemar: pedir pra sair.

                          Veja o descaso

Descaso e abandono na feira do maiobão


sexta-feira, 25 de março de 2016

Edivaldo morreu politicamente na quarta – feira santa e dificilmente irá ressuscitar


Após ter decretado o aumento das passagens, o prefeito Edivaldo de Holanda Júnior, afundou de vez o seu projeto de reeleição, são  tantos os problemas  em sua administração, que será impossível inverter esse quadro, mesmo tendo á ajuda do governo do estado, o povo já o rejeitou no coração, que dificilmente mudarão de opinião.

Será  que com toda essa má  gestão, Edivaldo ainda vai ressuscitar? 

Há quem diga pelos próprios aliados,  que o mesmo morreu na quarta - feira santa , no dia em que ele decretou a sua própria morte política, e que dificilmente irá ressuscitar.


quinta-feira, 24 de março de 2016

O Judas que traiu o povo Ludovicense


O desgastado prefeito de São Luis, Edivaldo de Holanda Junior, parece que anda no mundo da lua e se esqueceu de vez das  promessas feitas nas eleições de 2012. O mesmo teve a cara de pau, no período eleitoral, de dizer que “Não iria aumentar a tarifa dos coletivos urbanos”. Para a surpresa de muitos que acreditaram no espírito da mudança, o prefeito aplicou um golpe nos trabalhadores: deu um aumento de 11%.  Para quem não se lembra, este é o terceiro reajuste feito no mandato de Edivaldo. Assim como Judas traiu Jesus, Edivaldo traiu o povo de São Luis.

quarta-feira, 23 de março de 2016

Tarifas de ônibus têm reajuste de 11,5% na Grande São Luís


G1.COM


O prefeito Edivaldo Holanda Júnior (PDT) assinou nesta quarta-feira (23) decreto concedendo reajuste de 11,5% no preço das tarifas dos ônibus que circulam pela Região Metropolitana de São Luís.


A informação foi confirmada ao G1 pela Secretaria Municipal de Trânsito e Transportes (SMTT). Os novos valores entram em vigor a partir de 0h de sexta-feira (25).
Segundo o órgão, o aumento será nos ônibus urbanos e semiurbanos. Pelo decreto, as passagens terão os seguintes aumentos: de R$ 1,90 para R$ 2,20 (nível 2); de R$ 2,20 para R$ 2,50 (nível 3); e de R$ 2,60 para R$ 2,90 (nível 4).
Um ano depois

O último aumento havia acontecido em março de 2015, quando houve reajuste de 16% nas tarifas. Após três dias de protestos, a prefeitura anunciou redução de R$ 0,20 no valor do reajuste das tarifas.

segunda-feira, 21 de março de 2016

Sem garantia de ministério, Dilma já pensa em botar Lula como diretor da PF


O governo Dilma começou a semana com mais um objetivo: mudar o diretor da Polícia Federal. O atual, Leandro Daiello, no cargo há cinco anos, já não é mais confiável depois dos grampos telefônicos, feitos pela PF com autorização do juiz Sergio Moro. Ao mesmo tempo, o objetivo da semana passada – empossar Lula ministro – continua sem desfecho, com tantos questionamentos na Justiça a serem votados.
Eis que, numa reunião nesta segunda-feira, a presidenta Dilma teve uma ideia genial: Lula será o novo diretor da Polícia Federal. Desta forma, ela lhe dá um cargo importante e garante o controle da PF e o juiz Moro. Mata-se dois coelhos com uma cajadada só.
Lula ficou de telefonar para dar uma resposta – mas assessores acharam melhor ele mandar um garoto de recados de confiança.

sábado, 19 de março de 2016

VÍDEO: DIREÇÃO DO SINPROESEMMA FOGE DA ASSEMBLEIA REGIONAL DE SÃO LUÍS


O comunista Julio Pinheiro, Presidente do Sinproessemma mostrou mais uma vez que não tem a minima condição de representar a categoria, em uma assembleia geral dos educadores, após uma pressão dos mesmos, o comunista virou as costas e foi embora .

Parabéns para esse ícone do Jornalismo Maranhense !!!


Uma das grandes bênçãos da vida é a experiência que os anos vividos nos concedem. Aniversariar é uma amostra das oportunidades que temos de aprender a contar os nossos dias.
Hoje mais uma janela se abre diante dos seus olhos, mais um espinho foi retirado da flor, restando apenas a beleza de tão esplêndida data.
Os sintomas da felicidade se traduzem em otimismo, fé, esperança e tendo empenho por se ser melhor a cada dia. Continue firme pelos caminhos da virtude e suas verdades.
Continue trilhando pelos vales da vida, pois um dia encontrará o mais belo jardim, o jardim que representará a realização dos seus maiores sonhos. Que Deus ilumine você todos os dias da sua vida.
Meu amigo, irmão não tenho palavras pra te agradecer por essa amizade pura e verdadeira, acho e tenho certeza que a nossa amizade surgiu pelo seguinte fato, a coragem e a esperança, pois temos isso em comum, tenho um grande orgulho em dizer pra todos que me espelho em você. ai eu te pergunto precisava ser assim ? Precisava Sim, pois essa voz Jamais de calará!!!
Feliz Aniversário!

sexta-feira, 18 de março de 2016

Iniciativa do vereador Francisco Chaguinhas revitalizará a escola de música do município e criará núcleos em inúmeros bairros


O vereador Francisco Chaguinhas defendeu no plenário da Câmara Municipal de São Luís, que a Prefeitura de São Luís criasse escolas de músicas em várias comunidade da capital, sugerindo que elas poderiam ser através de parcerias com associações comunitárias e Igrejas Católicas e Evangélicas. Chaguinhas destacou que a música é sem dúvidas um importante caminho de inclusão social e profissionalização em curto prazo para muitos jovens e a descoberta de grandes talentos em muitas crianças de comunidades pobres e excluídas, que poderiam ter oportunidade de acesso, com escolas nas comunidades e bem próximas delas.

Francisco Chaguinhas foi procurado esta semana pelo violonista clássico reconhecido internacionalmente e professor João Pedro Borges, conhecido como “Sinhô”. Ele primeiramente veio parabenizar o vereador pela importante iniciativa e informar que o município de São Luís tinha uma escola de música criada por lei pelo ex-prefeito Tadeu Palácio, que inclusive chegou a ter mais de 600 alunos, e que infelizmente foi sucateada efechada na administração do ex-prefeito João Castelo. Destacou que a escola funcionava à época na praça Antônio Lobo, em uma casa que foi residência do ex-governador Nunes Freire.

João Pedro Borges pediu ao vereador Chaguinhas , que leve à frente a sua proposição e que está determinado a participar da luta pelo restabelecimento da Escola de Música Municipal e com a proposta de parceria com entidades comunitárias, se tornará com certeza um grande projeto de alcance social que poderá proporcionar a que a música resgate homens e mulheres jovens e crianças das ruas e das drogas, afirmou o violonista internacional.
Sinhô disse a Chaguinhas, que o secretário Moacir Feitosa, da Educação conhece o projeto da Escola de Música e por ser uma pessoa bastante sensível a projetos educacionais que proporcionam mudanças efetivas e construtivas, a Escola de Música poderá ser restaurada, exatamente no momento em que temos milhares de crianças, jovens e adultos em busca de oportunidades. Dentro dos próximos dias Chaguinhas e Sinhô devem ter um encontro com o secretário Moacir Feitosa para debates sobre a Escola de Música.

Blog do Aldir Dantas 

IMAGEM DO DIA: Moradores da Coreia e Vila Passos fizeram por conta própria uma limpeza na Praça da Bíblia

CHEGA DE TANTO ABANDONO............

Já que a Prefeitura nunca fez nada, os moradores da Vila Passos e Coreia,
Fizeram uma limpeza por conta própria na Praça da Bíblia.

PPS PERDE UM EXCELENTE PARLAMENTAR



O deputado estadual Wellington do Curso comunicou oficialmente, na tarde desta sexta feira (18), à Executiva Estadual do Partido Popular Socialista (PPS) e ao desembargador presidente do Tribunal Regional Eleitoral do Maranhão (TRE/MA), sua desfiliação oficial do partido.
O parlamentar, que atualmente é presidente da Comissão de Assuntos Econômicos da Assembleia Legislativa, ressaltou que o seu desligamento do PPS-MA se faz por motivo de ordem pessoal.
O deputado esclarece, ainda, que mesmo sem definição de nova legenda partidária, permanecerá com sua independência política, o que tem respaldado o seu mandato, e continuará atuando em defesa do povo maranhense.

quinta-feira, 17 de março de 2016

“Eu exijo que o prefeito respeite o povo e que possa asfaltar todas as ruas do polo Coroadinho” detona Manoel Rêgo


Foi aprovado no Plenário da Câmara Municipal de São Luís, o requerimento de autoria do vereador Manoel Rêgo, onde solicita ao prefeito Edivaldo de Holanda, para que seja realizada em extrema urgência a pavimentação asfáltica das ruas: Dr. Carlos Macieira, Da União e Avenida Jose Sarney ambas localizada no bairro do Coroadinho, segundo o parlamentar as ruas citadas estão em péssimas condições, trazendo grandes prejuízos para a comunidade e para o comércio local “e lamentável mais uma vez o desgaste dessa gestão que não respeita a comunidade do coroadinho, eu exijo que o prefeito respeite o povo e que possa asfaltar todas as ruas do polo coroadinho, pois não dá mais pra aguentar tanto abandono” Finaliza. 

quarta-feira, 16 de março de 2016

Obituário: velório do PT acontecerá hoje em Brasília


Após a nomeação de Lula como ministro da Casa Civil, foi marcado para hoje, no horário da posse do ex-presidente como ministro, o velório do Partido dos Trabalhadores.
“Essa manobra de colocar o Lula para ser ministro, para que ele não seja investigado pelo juiz Moro, foi o último prego que faltava no caixão do PT. Agora é só enterrar”, disse Manuel Silva, que trabalha como coveiro em Brasília.
Enquanto se arrumava para o velório de seu partido, Dilma assinou um termo que inclui o uso de faixa presidencial para ministro da Casa Civil, e disse à imprensa que confirma a ida de Lula para Casa Civil assim como confirma sua ida para férias em sua casa de praia.
Sensacionalista

Bira do Pindaré está de malas prontas para o Partido do Trabalhadores


O Deputado Estadual e pré - candidato a prefeitura de São Luís, Bira do Pindaré, vai retornar ao seu antigo partido o PT - Partido dos Trabalhadores, segundo uma fonte bem posicionada do partido, a filiação do deputado vai ocorrer nesta sexta - feira(18).

terça-feira, 15 de março de 2016

Secretária Tatiana Pereira conversa com moradores de Luis Domingues e Cândido Mendes sobre melhorias do ‘Mais Asfalto’


O asfalto está mudando a vida e o dia a dia da população dos municípios de Luis Domingues e Cândido Mendes, na região oeste do estado. As duas cidades receberam obras de pavimentação do programa ‘Mais Asfalto’, totalizando mais de seis quilômetros de asfalto. As ruas e avenidas contempladas pelo programa receberam serviços de terraplanagem, pavimentação, sarjeta e meio-fio.

O ‘Mais Asfalto’ é um programa de pavimentação de vias urbanas desenvolvido pela gestão do governador Flávio Dino, desde o primeiro mês de governo. Os serviços de pavimentação urbana são realizados pela Secretaria de Estado de Infraestrutura (Sinfra) em ruas e avenidas, com prioridade para as áreas de maior fluxo ou que interligam comunidades à região central das cidades.

Para além da recuperação das vias, os benefícios do ‘Mais Asfalto’ também se refletem na melhoria da qualidade de vida da população dos municípios que receberam os serviços do programa, como é o caso dos moradores de Luís Domingues e Cândido Mendes. As obras nos municípios estão na fase de conclusão, mas já proporcionaram mudanças no visual das vias e, principalmente, na vida dos habitantes.

No último sábado (12), a secretária de Estado da Juventude (Seejuv), Tatiana Pereira, esteve nas duas cidades, fazendo a vistoria dos serviços de pavimentação e conversando com os moradores sobre os benefícios da ação. A comitiva, que contou com a participação do superintendente de Articulação Política da regional de Carutapera, Erico Carvalho, e de lideranças dos dois municípios, além de moradores, percorreu várias ruas em cada uma das cidades.

Em Luis Domingues, que recebeu quase três quilômetros de asfalto, os moradores comemoraram as melhorias em ruas que desde a emancipação da cidade, há quase 60 anos, nunca havia recebido pavimentação. “Moro aqui há 40 anos e nesse tempo todo ninguém ligava para essas ruas. E agora está sendo colocado asfalto porque o Governo do Estado está aqui. Estou muito feliz de ver isso virando realidade”, comemorou o morador Miguel Estêvão, de 79 anos.

A secretária Tatiana Pereira ressaltou o resgate da cidadania que o programa ‘Mais Asfalto’ oportuniza para a população maranhense e o compromisso do Governo do Estado com a melhoria de qualidade de vida de todos os maranhenses, de forma especial àqueles que por anos foram esquecidos pelo poder público.

“O governador Flávio Dino tem como objetivo principal criar oportunidades para a melhoria da vida das pessoas em todos os âmbitos e o ‘Mais Asfalto’ vem reforçar isso. A recuperação de ruas e avenidas ou a chegada dos serviços em locais onde nunca houve, não se resume apenas no ‘Mais Asfalto’, representa mais saúde, mais acesso a educação, ao trabalho, melhor mobilidade e, principalmente, mais dignidade e valorização para a população”, disse a secretária.

Em Cândido Mendes, Raimundo Carlos, 68 anos, disse que o principal benefício do asfaltamento das ruas no município é a saúde da população. “Essas ruas aqui só viviam alagadas e cheias de lamas no inverno e no verão era a poeira. Nós moradores padecíamos, principalmente as crianças e os mais velhos, que viviam gripados por causa da poeira. No inverno, a rua ficava cheia de poças de água, correndo o perigo de ter mosquito da dengue”, contou.

Nas regiões norte e oeste do Maranhão, 12 municípios estão com obras de asfaltamento finalizadas ou em fase de conclusão, serão beneficiados 274.305 mil habitantes com 76 quilômetros de asfalto. O investimento total nessas duas regiões é de mais de R$ 9 milhões.

No oeste do Estado, os municípios de Boa Vista do Gurupi, Bom Jardim, Cândido Mendes, Centro Novo do Maranhão, Luís Domingues, Cururupu, Pedro Rosário, Peri Mirim, Presidente Sarney, Turiaçu e Monção, com 252.646 mil moradores no total, receberão 35 quilômetros de novas ruas. No norte do estado, o município de Alcântara, com 21.659 mil moradores receberá quatro quilômetros de pavimentação nas ruas.

Direção do Cintra fecha parcerias na área da saúde


 O Centro de Saúde da comunidade do Cintra recebeu com festa e alegria a Superintendente de Saúde do município, Doutora Ricarda . O motivo foi a mega reforma que será feita no posto de saúde que há anos estava abandonado.  Na mesma oportunidade, foram feitas várias parcerias entre a Fundação e as entidades que irão contribuir para o desenvolvimento escolar do Cintra e de toda comunidade anilense.

Diretora Geral e Pedagógica entrega a chave a Superintendente de Saúde do Município
O ato contou com a participação da Sra. Eranildes Coelho – Diretora-Geral do Cintra,  Sra.Vilma - Diretora Pedagógica do Cintra, Dra. Ricarda - Superintendente de Saúde do Município e diversas autoridades.


segunda-feira, 14 de março de 2016

Ato contra governo Dilma Rousseff reúne mais de 4 mil pessoas em São Luís


G1MA


Maranhenses participam em São Luís (MA) na manhã deste domingo (13) das manifestações que pedem a saída da presidente Dilma Rousseff, convocadas por quatro movimentos: Vem Pra Rua Maranhão, Movimento Brasil Livre Maranhão, Acorda Maranhão e Eu Te Amo Meu Brasil. Na capital maranhense, a concentração teve início às 8h, na avenida Litorânea, na orla da cidade.
De acordo com a Polícia Militar do Maranhão (PM-MA), às 10h20, já eram 4 mil manifestantes. Segundo a organização, a manifestação reuniu 5 mil pessoas.
No início da manhã, PM-MA contabilizava 2,5 mil manifestantes, e os organizadores, 2 mil pessoas. Por volta das 11h, os manifestantes começaram a se dispersar, e o movimento encerrou-se às 12h15, com tranquilidade e sem ocorrências de confrontos.
Os manifestantes montaram pelo menos três tendas no trecho próximo ao bairro São Marcos e utilizam um trio elétrico. Os manifestantes cantaram o Hino Nacional. O trânsito foi bloqueado nos dois sentidos da via, por agentes da Secretaria Municipal de Trânsito e Transportes (SMTT).
Em São Luís, o movimento ganhou apoio dos sindicatos dos policiais federais e civis do Maranhão, além de uma associação de motoqueiros.
Pelo menos quatro equipes da Polícia Militar do Maranhão (PM-MA) e uma do Corpo de Bombeiros Militar do Maranhão (PM-MA) acompanham o ato nesta manhã. Um helicóptero do Centro Tático Aéreo (CTA) também acompanhou a manifestação.
“Embora sejam vários movimentos com pautas distintas, o que nos une é justamente pedir a saída da presidente Dilma. Nós chegamos a um momento que o país não suporta mais tanta roubalheira, tanto desvio. São só dela. Como que seja apurado todos os fatos decorrentes desses desvios de verbas”, sustenta o coordenador do movimento Eu Te Amo Meu Brasil no Maranhão, Sóstenes Salgado.
Os organizadores ressaltam a união da sociedade na discussão dos temas de importância do país, o apoio às operações Lava-Jato – que investiga um esquema de corrupção da Petrobras – e Zelotes – que apura esquema de corrupção no Conselho de Administração de Recursos Fiscais (Carf) e ao juiz Sergio Moro, além de pedir o pleno funcionamento e independência do Ministério Público e a Polícia Federal.
Protestos no Maranhão
Na segunda maior cidade do Estado, Imperatriz (MA), 800 manifestantes foram à Praça Brasil, no Centro, protestar contra o governo Dilma, de acordo com as estimativas da PM. Já os organizadores disseram que 5 mil pessoas compareceram ao local.
O ato teve início às 10h, contou com uma passeata em ruas do Centro da cidade, em que manifestantes exibiram faixas e uma bandeira do Brasil, e encerrou-se às 11h30.