WebBanner_IPTUsite2

sexta-feira, 29 de janeiro de 2016

Governo Flávio Dino investe na valorização dos educadores


A Educação Pública no Maranhão obteve avanços significativos ao longo de 2015. Um dos destaques foi a valorização da carreira do magistério, por parte do Governo do Estado. Desde janeiro de 2015, mais de 30 mil professores receberam aumento salarial e mais de 12 mil docentes foram beneficiados com a progressão na carreira, benefício esperado há décadas pela maior parte da categoria.
Diretores de escola também receberam aumento na gratificação. Pela primeira vez na história da educação do Maranhão, pais e responsáveis, alunos, professores e funcionários foram inseridos nas decisões do sistema de educação. Nas unidades escolares, foram realizadas as primeiras Eleições Democráticas para eleger os novos gestores de 450 escolas estaduais, pondo fim às indicações políticas para o preenchimento do cargo.
Ainda no ano de 2015, foi aberto o edital de concurso para professores no Maranhão, onde foram ofertadas 1.500 vagas para preenchimento imediato e outras 300 para cadastro de reserva. A remuneração inicial é de R$ 4.985,44, com carga horária de 40h semanais, uma das mais altas do Brasil. Cerca de 80 mil candidatos participaram do processo para triagem dos novos professores da rede pública estadual de ensino.
Para o presidente do Sindicato dos Trabalhadores em Educação Básica das Redes Públicas Estadual e Municipais do Maranhão (Simproesemma), Júlio Pinheiro, a valoração dos profissionais tem sido um estímulo para quem luta pela causa dos educadores há anos no Maranhão. “ O interesse dos trabalhadores é que a gente possa alcançar níveis melhores na educação pública, para isso, o governador tem sinalizados positivamente diversos investimentos na área. O governador tem honrado com seus compromissos, sempre se mostrando aberto para diálogo que tem como pauta as reivindicações apresentadas pela categoria. Sabemos que no momento o país passa por uma crise econômica, mas que mesmo assim, o governo vem trabalhando para superar os índices negativos deixados no nosso Estado”, comentou.
O educador ainda ressalta que o ano de 2015 foi um ano essencial para estabelecer metas e os caminhos para educação do Maranhão. “ Em 2015 foi um ano de se focar nos objetivos e lutar por eles. Os desafios são lançados a todo momento, mas os enfrentamos e temos hoje em dia um governo que entende que só se faz educação com o reconhecimento e a valoração dos nossos profissionais da Educação”, ressaltou Júlio Pinheiro.
Mais Educação
Em uma outra ação inédita, o Governo do Maranhão iniciou a construção de 30 prédios escolares que funcionarão como espaço para a prática de estudos, pesquisa, lazer e esporte dos alunos da rede pública no contraturno nas cidades mais populosas do Estado, totalizando um investimento de R$ 148 milhões. O espaço físico dos núcleos contará com sala temática, laboratório de Química, Física, Biologia, Matemática, Informática e Robótica; Sala de Artes, Artes Marciais, Idiomas, Direção, Secretaria do Professor, descanso de professores, descanso de aluno; auditório, biblioteca; quadra poliesportiva, coreto; almoxarifado, serviço de orientação educacional, ambulatório; despensa, cozinha, área de serviço, banheiros.

Nenhum comentário:

Postar um comentário