WebBanner_IPTUsite2

quarta-feira, 5 de agosto de 2015

Rose Sales na luta pela dignidade do direito à água e ao esgotamento sanitário do povo de São Luis

A Vereadora ROSE SALES em audiência pública, de sua autoria, em 04/08/2015, durante mais de cinco horas de debate na Câmara Municipal de São Luís discutiu sobre as graves problemáticas do abastecimento de água e do esgotamento sanitário em São Luís; com a presença de membros do poder municipal, da CAEMA, da SEMMAM, sindicalistas, movimentos sociais e líderes comunitários de inúmeras comunidades, cobrando do poder público uma organização, estruturação e universalização de serviços e políticas públicas voltadas para a população ludovicense que tanto sofre com a falta do fornecimento digno e regular tanto de água quanto de rede coletora de esgoto nesse município, levando em consideração que tanto o município como o estado recebem recursos específicos voltados para essa área que é fundamental para a qualidade de vida e saúde pública da população.

 A Vereadora ao chamar a atenção de que a prefeitura é o poder concedente e autorizatário da CAEMA e não fiscaliza e tão pouca cobra sua maior eficácia. E que o governo do estado é o gestor do sistema e necessita superar tal deficiência na oferta dos serviços, com ações mais estruturantes e de longo alcance nos bairros da cidade. Enfatizou que: "É inadmissível que a população de São Luís sofra com a falta de água e que crianças, idosos tenham que carregar água por longas distâncias, levantar às madrugadas; e que o nosso povo na maioria dos seiscentos bairros da cidade, tenham o comprometimento de sua saúde devido a esgotos jorrando nas ruas, córregos. Onde perdemos grandes rios, como o Anil, o Paciência, das Bicas, vários outros. Onde as nossas praias são impróprias para banho, e o esgoto dos bairros da orla marítima são lançados "in natura". Atuo nos bairros e sei que isso acontece, é uma triste realidade em inúmeras comunidades como São Raimundo, Vila Isabel Cafeiteira, Cruzeiro do Anil, Residencial Ana Jansen, Bairro de Fátima, Cajueiro é preciso efetivamente estabelecer uma plataforma de trabalhos resolutivos em favor do povo ludovicense." ressaltou Rose Sales que de forma aguerrida cobrou soluções para a situação.
Como resultado da Audiência Pública ficou estabelecido o Grupo de Trabalho pelo Saneamento Básico da Ilha de São Luís, e no dia 11 de agosto, às 14h30, no Plenário da Câmara terá a primeira reunião.



Nenhum comentário:

Postar um comentário