Banner B

segunda-feira, 23 de fevereiro de 2015

DENÚNCIA GRAVÍSSIMA SOBRE A ESCOLA MILITAR 2 DE JULHO !!!


Várias denúncias foram feitas ao titular do blog, nas quais a direção-geral da Colégio Militar 2 de Julho  estaria praticando uma série de irregularidades em suas  dependências.  Uma delas refere-se aos alunos  reprovados no ano letivo de 2014 e que foram obrigados a deixar o estabelecimento de ensino  o mais rápido possível.  Acontece que esta escola é do Estado e no regimento estadual diz: “o aluno tem que ficar retido dois anos na mesma série para ter que sair da instituição de ensino”,  o que não ocorreu.
Outra denúncia  feita  é que esta escola estaria  cobrando uma mensalidade de 40 reais, além de outros  materiais para auxiliar os alunos na instituição.
 No entanto, o que me chamou mais atenção foi o seguinte:  no ato da rematrícula, a  mãe de um aluno foi impedida de fazê-la,  pelo  fato de não ter entregado uma resma de papel “xamex”.
 Pode uma coisa dessa?
Que absurdo é esse?


Com a palavra a direção da Escola.


19 comentários:

  1. Este comentário foi removido pelo autor.

    ResponderExcluir
  2. Quanto ao fato da rematrícula dos reprovados, não foi possível ser feita pelo fato de os mesmos terem sido aprovados por APC (aprovação por conselho) no ano de 2013, assim não sendo permitida a rematrícula dos alunos.

    ResponderExcluir
  3. Sobre a taxa de manutenção, essa taxa não da para pagar nem a limpeza dos aparelho de ar- condicionado, quem diria que iria dar para pagar a manutenção dos aparelhos que TODAS AS SALAS DA ESCOLA TEM EM SEU INTERIOR. As salas tem: tela retrátil, data show, aparelho de som, câmera, e ar- condicionado.
    Sobre a rematricula, todos os pais assinam um termo de compromisso TODOS OS ANOS, se comprometendo a comparecer em no mínimo 2 reuniões, no caso de não comparecer o aluno é impossibilitado de fazer sua rematricula, por falta de acompanhamento familiar na vida do aluno. A escola realiza no mínimo 4 reuniões por ano.
    Todos os pais sabem que devem entregar no ato da rematricula uma resma de papel chamex, no caso dos pais que não entregam, recebem o prazo para entregar a resma na escola. Essa resma serve para as avaliações, pois os alunos não pagam por xerox, a qual muitas escolas cobram pela xerox.
    O autor, antes de fazer a denuncia poderia ir visitar a escola, a qual em temporada de férias encontrasse em reforma para melhor receber seus alunos. Poderia ir a escola verificar o que a escola oferece e comparar com o valor pago pela escola.

    ResponderExcluir
  4. Lamento informar-lhe, senhor jornalista, que os fatos relatados acima são no mínimo infundados, e que a verdade está sendo deturpada de uma forma torpe. Venho então, na qualidade de aluno da referida instituição informar a total realidade dos fatos citados de forma incompleta pelo senhor. Pois bem, apenas a nível de explicação, o Colégio Militar 2 de Julho, apesar de manter vínculos com o estado, é regido pelo Corpo de Bombeiros Militar do Maranhão. Agora, quanto às denúncias, vamos esclarecê-las. A primeira, o fato de dizerem que os alunos foram expulsos sem terem reprovado duas vezes é incompleto, os alunos que reprovaram duas vezes foram expulsos, os que obtiveram aprovação pelo conselho não tiveram direito ao benefício novamente, e foram reprovados. Isso foi o que ocorreu. Entretanto, não nego que alguns alunos foram expulsos sem terem reprovado duas vezes, porém, como disse acima, o colégio é regido pelo CBM-MA, absorvendo alguns dos seus princípios, como a disciplina militar e a hierarquia, e uma vez que os alunos deixam de obedecer a estes princípios estes saem do padrão exigido pelo CMCB, além do fato permitir à escola ter um regulamento interno próprio, e neste regulamento é dito claramente que os alunos que ingressarem no comportamento MAU serão expulsos, desta forma, não é necessária a reprovação por duas vezes para que os alunos sejam excluídos da escola, e este fato é informado na agenda escolar e os responsáveis, são informados das exigências que a escola faz para efetuar a matrícula e aceitam-nas, caso contrário não matriculariam seus filhos, não tendo portanto o direito de reclamar quando as normas são cumpridas. Agora, quanto à quantia de 40 reais, é realmente cobrada, entretanto, não é uma mensalidade e sim uma taxa utilizada na manutenção da própria escola, que possui aparelhos refrigeradores de ar em todas as salas, além de realizar pinturas regularmente no prédio, e possuir tela retrátil, projetores e aparelhos de som em cada cada sala, desta forma, os alunos contribuem com a escola para manter um conforto que outros alunos da rede estadual não possuem, além de ressaltar que novamente, os responsáveis são cientes da cobrança da taxa no ato da matrícula. Agora, quanto à resma de Chamex, é uma exigência para matrícula, que também é de conhecimento dos pais, e em troca desta resma os alunos não pagam pelas suas avaliações, prática presente em algumas escolas estaduais que cobram dos seus alunos ou pedem que levem folhas de papel para a aplicação das provas, além do mais, os alunos do colégio 2 de Julho podem, sempre que necessário pegar folhas de papel Chamex na secretaria da escola e a instituição disponibiliza o serviço de Xerox aos alunos sempre que requisitado. Ou seja, a escola pede a resma para fornecer aos alunos serviços que as escolas não costumam oferecer, sendo assim, na relação custo-benefício, é uma cobrança não convencional por serviços não convencionais. O que me parece bem justo. Finalizando, deixo ao autor um conselho, averigue melhor os assuntos sobre os quais for escrever no futuro, pois uma vez que é um representante de mídia e serve de informante da população, não pode se dar ao luxo de permitir tais omissões, induzindo o leitor ao erro.

    ResponderExcluir
  5. Boa noite, senhor blogueiro, até o momento estou estarrecida com essa calúnia descabida e infundada do seu blog por alguém que não mereça usar a nossa farda e usufruir de nossa estrutura.
    Fico triste porque ao invés de mentir a pessoa deveria lhe informar o que nós temos: todas as salas climatizadas, datashow, tela retrátil e som, dois carros a disposição da escola, participação em eventos a nível estadual e nacional, única escola pública a ganhar os jogos estudantis maranhenses, a ser tricampeão no karatê, bicampeão na modalidade de dama no troféu mirante.
    Não posso deixar de lhe relatar que por lá não pagamos Xerox, pois todos temos direito , por essa razão que doamos uma resma de papel.
    Sobre a taxa escolar o valor desse ano é de R$ 50,00 e os meus pais pagam com muito orgulho, por que estamos vendo onde está sendo investido tal valor, pois como manter uma estrutura daquela limpa, climatizada, pintada, organizada somente com o recurso do Estado?
    Por isso, caro senhor ao invés de postar tamanha desinformação e fofoca desnecessária, visite nossa escola, fale com o Major Bezerra atual Comandante da escola pois com certeza lhe receberá, e veja o que é feito por lá.
    Aluna Ana Clara, 2 de Julho COM MUITO ORGULHO. AMO MINHA ESCOLA
    AGUARDE QUE MUITA GENTE IRÁ FALAR.

    ResponderExcluir
  6. TUDO VERDADE. Embora a escola tenha meio mundo de coisas boas, é bom lembrar que o que foi dito é verdade SIM.
    Bom lembrar também que houve maior bagunça no dia da rematrícula, os pais revoltados com a falta de organização.
    Houve também um escândalo causado pelo Majó da escola, porque uma mãe foi simplesmente falar para ele que não estava certo ter chegado as 14:00 e já está dando 18:00 e ainda não ter conseguido efetuar a rematrícula, porque os pais ficavam rodando para pegar NADA CONSTA, até mesmo na CANTINA. Isso mesmo, só eram permitidos fazer a rematrícula se tivesse um carimbo da cantina dizendo que o aluno não tinha dívida. ( O que já está errado, REMATRÍCULA não tem haver com CANTINA, e vender algo para menor de idade sem permissão dos pais, está altamente errado).

    ResponderExcluir
    Respostas
    1. Realmente, não nego que a matéria possui algumas verossimilhanças, entretanto, as informações presentes nela estavam incompletas, tendo sido complementadas pelos comentários acima. Agora, admito que houve certa desorganização em relação ao NADA CONSTA, entretanto, a escola estava em período de processo seletivo, que contou com milhares de inscrições, o que serviu para sobrecarregar a coordenação e secretaria da escola, o que, não torna o fato justificável, mas torna-o um tanto compreensível, até porque, desorganização nunca foi nem nunca será exclusividade do 2 de Julho. Entretanto, apesar de ter havido uma certa desorganização por parte da escola, sair dizendo que a direção está cometendo uma série de irregularidades nas dependências da escola é algo totalmente diferente, uma vez que já foi explicado acima como todas as denúncias entram em discordância da verdade apesar de sua verossimilhança inicial. Portanto, é preciso ter um pouco mais de responsabilidade com aquilo que se publica, principalmente quando se é ignorante à completude dos fatos.

      Excluir
  7. Assim como toda academia militar, o aluno tem seu livre arbítrio de fazer dividas na escola, sabendo que, só irá fazer sua rematricula se todas as sua dividas na escola, dentre elas a CANTINA. A escola oferece um refeitório com merenda gratuitamente, o aluno só compra lanche na cantina da escola se quiser. Neste nada consta também estava incluído a sala de música, pois muitos alunos são músicos, e a escola disponibiliza túnicas brancas para o desfile, a qual todos tem que devolver, e no dia da rematricula, alguns ainda não tinham devolvido.

    ResponderExcluir
  8. Este comentário foi removido pelo autor.

    ResponderExcluir
  9. Jurema Sousa,
    Sou mãe de aluna que estuda pela primeira vez em uma escola militar, achamos tudo muito estranho principalmete na rematricula, minha filha veio da escola Sesi ,.
    Bem eu acho que todos os pais e filhos sabem no ato da matricula as normas de um colégio Militar, Porem são pessoas que pensam que educação e disciplina ficam por conta so da escola , por isso que fazem esse tipo de denuncia descabida, todas essas normas sabemos , gente quem nos dera se houvesse mas escolas Militares com pessoas tao comprometidas com a educação nesse Pais,Eu so tenho em agradecer e ajudar o funcionamento dessa escola , isso, mesmo ajudar a funcionar fazer cumprir todas as normas , minha filha passou um ano de 2014 em descoberta, aprendendo tudo , ela nunca foi advertida, passou direto e vai fazer o segundo ano , o ensino e maravilhoso os militares responsáveis, os pedagogos comprometidos digo a vcs ESCOLA MILITAR 2 DE JULHO E UMA ESCOLA DE EXCELÊNCIA que merece elogios e reconhecimento pelos seus feitos e não denuncias .

    ResponderExcluir
  10. Caros Pais e Alunos, enviem estas denúncias ao Ministério Público urgente no seguinte endereço: Rua dos Pinheiros, Lotes de 12 a 15, Jd. Renascença (Antigo Hotel Panorama Palace), Fone: 3219-1600, pois acima de qualquer regimento interno exigido pela instituição há uma Lei Federal (LEI Nº 9.394, DE 20 DE DEZEMBRO DE 1996 - Lei de diretrizes e bases da educação nacional) que precisa ser respeitada e revista por essa Escola!

    No mais, é muito simples uma escola se destituir de sua obrigação de educar expulsando um aluno, seja por indisciplina ou por rendimento escolar insuficiente, sem que a mesma busque alternativas pedagógicas e apoio de outros órgãos para resolver a situação, assim as demais também usarão deste princípio, pois na medida que uma pode a outra também exercerá deste direito, além do mais, e como fica a situação desse aluno perante a sociedade?
    Fazendo uma analogia para dentro de nossas casas, já imaginou um filho ficar de recuperação ou reprovado, ou até mesmo, brigar com seu irmão e os pais resolverem puni-lo com a sua expulsão do ambiente familiar?

    Fica a INTERROGAÇÃO!

    ResponderExcluir
    Respostas
    1. Este comentário foi removido pelo autor.

      Excluir
    2. Não é recomendável que as escolas procurem se livrar do problema obrigando o aluno indisciplinado a se matricular em outra instituição de ensino. Pelo contrário, têm elas a obrigação de propiciar um tratamento adequado que busque o desenvolvimento psicossocial da criança e do adolescente. O aluno que é expulso ou “convidado a se retirar” acaba desenvolvendo um sentimento de rejeição e anormalidade, interferindo em sua capacidade de aprendizagem. É bem verdade que as escolas têm o direito e o dever de impor limites e criar obrigações, porém, impor limites não significa determinar medidas autoritárias, abusivas e, acima de tudo, ilegais.

      Assim, deve-se partir do princípio de que a educação é um direito de todos, destina-se ao pleno desenvolvimento da pessoa, sua qualificação para o trabalho e ao preparo para o exercício da cidadania, conforme dispõe o art. 205 da Constituição Federal:

      Art. 205. A educação, direito de todos e dever do Estado e da família, será promovida e incentivada com a colaboração da sociedade, visando ao pleno desenvolvimento da pessoa, seu preparo para o exercício da cidadania e sua qualificação para o trabalho.

      Com o objetivo de conceder eficácia à educação, a Constituição Federal estabeleceu diversos princípios, dentre eles, o de igualdade de condições para o acesso e permanência na escola:

      Art. 206 O ensino será ministrado com base nos seguintes princípios:

      I - igualdade de condições para o acesso e permanência na escola;


      Isso tudo, significa dizer que todos têm o direito de ingressar na escola e nela permanecer, sem distinção de qualquer natureza. Nesse sentido, orientação do Ministério Público do Paraná (disponível em: http://www.mp.pr.gov.br. Acesso em 25/02/2015):

      O acesso não pode ser impedido a qualquer criança ou adolescente. Todos possuem o direito à matrícula em escola pública ou particular. Existindo a recusa em razão de preconceito de raça, caracteriza-se, nesse caso, uma infração penal. O art. 6º, da Lei nº 7716/89 tipifica como crime recusar, negar ou impedir a inscrição ou ingresso de aluno em estabelecimento de ensino público ou privado de qualquer grau, cominando ao comportamento uma pena de privação de liberdade de três a cinco anos.

      A garantia de permanência significa que não se admite a exclusão da escola do aluno indisciplinado, do portador de vírus HIV, dos portadores de deficiência, etc. (O direito de permanência na escola. .

      O princípio de igualdade de condições para o acesso e permanência na escola também foi repetido no art. 53 do Estatuto da Criança e do Adolescente e no art. 3º da Lei de Diretrizes e Bases da Educação (Lei nº 9.394/96):

      Art. 53 A criança e o adolescente têm direito à educação, visando ao pleno desenvolvimento de sua pessoa, preparo e exercício da cidadania e qualificação para o trabalho, assegurando-se-lhes:

      I – igualdade de condições para o acesso e permanência na escola;

      #FICA A DICA....

      Excluir
    3. Vamos deixar claro que existe uma diferença entre INDISCIPLINA e ATO INFRACIONAL, entretanto, não cabe a mim esclarecer como isso se aplica no caso por uma questão de ética, devendo, portanto, aquele que quiser explicações detalhadas buscá-las junto à escola. Entretanto, o que eu posso falar é que os alunos que foram expulsos não o foram levianamente.

      Excluir
  11. Este comentário foi removido pelo autor.

    ResponderExcluir
  12. Olá senhor blogueiro,boa tarde, depois de tudo que li resolvi falar um pouco do que penso. Sinto muito em dizer que, as informações que lhe passaram não procedem e, o senhor na ânsia de dar noticias infundadas escreveu apenas o que pensa a respeito ou o que ouviu de pessoas desinformadas. Mas com tudo isto vale lembrar que desde muito cedo nossos pais nos ensinam que, antes de falar algo é necessário que estejamos seguros do que iremos dizer cuidado este que o senhor não teve e, saiu falando aos quatro cantos aquilo que bem entendeu ou o que não entendeu, na verdade é o que melhor combina com sua atitude infantil e desenfreada, escrever aquilo que sequer tem a informação necessária para fala a respeito. Não preciso repetir o que já falaram antes, sobre tudo que escola oferece, é claro que em meio a tantas coisas a serem ditas uma ou outra acabou ficando sem relatar, pois são tantos os benefícios que os quarenta reis que ofertamos para ajudar na manutenção da escola acabaria perdendo de vez o valor. Mas fica aqui o convite, para que você possa falar a verdade nas suas próximas publicações procure nos visitar, assim você verá com seus próprios olhos a mentira que lhe pregaram. Mas não desista de escrever, apenas assuma o compromisso de falar a verdade e, isto você deve ter ouvido do seu professor no primeiro dia de aula, uma vez que diz ser estudante de jornalismo. Outra coisa não tente buscar na minha escrita, erros de português, pois ao contrário de você eu sou chefe de cozinha e, não fico escrevendo um monte de asneiras que deve ter ouvido de algum desocupado que não tinha o que falar. Daí acabou gerando toda esta mentira levando todos a esta repudia total sobre o seu dito, a você cabe a obrigação de não cometer erros, nem na escrita e muito menos no que relata, é uma questão ética palavra que talvez você não tenha ouvido ainda, ou se ouviu ignorou.Talvez você esteja se perguntando quem é esta senhora tão insatisfeita com o meu feito, me apresento já: ROSA D 'ARC DOS SANTOS GARCEZ, mãe da aluna, BRUNA DOS SANTOS GARCEZ. Aluna do segundo ano do ensino médio do colégio militar 2 de julho colégio este pelo qual tenho muito respeito, e acredito que você deveria fazer o mesmo.Ia me esquecendo, a aluna BRUNA DOS SANTOS GARCEZ, da qual me referi anteriormente, é a mesma que fez bonito passando em segundo lugar no vestibular do IFMA no curso de mecânica industrial, assim como o aluno RAFAEL ASTEIN em PRIMEIRO LUGAR EM DIREITO NO ENEM sendo este cursando o segundo ano do ensino médio na mesma instituição de ensino referida pelo senhor.Vale lembrar que, na ocasião os mesmos já estudavam lá, e se lhe serve de consolo eu não sei mas, a aluna BRUNA DOS SANTOS GARCEZ e o aluno RAFAEL ASTEIN, são só alguns dos muitos que já foram aprovados. Sem querer ofender, mas, tente se informar primeiro antes de gastar tempo escrevendo besteiras e mentiras. OBRIGADA

    ResponderExcluir
  13. Eu estudo no colegio militar e algumas coisas ate q são verdade e outras não enquanto a parcelas não e mais 40$ se pagar em dias é 50$ agora se passar a data é 60$

    ResponderExcluir
  14. Pra começar, vejo que em seu blog tem uma propaganda de uma faculdade particular, que pra estudar nela precisa pagar e dependendo do curso o custo é caro. Agora reclamar por uma contribuição de 50, 60 reais, que não paga os custos de manutenção?!... Doar uma resma que custa em média 18 reais?!... Denúncias vagas e sem sentido diante das vantagens que essa escola propõe, pois não é a toa que muitos lutam por uma vaga nessa instituição. Outra coisa, essa escola como todas que se prezam tem normas e regras, os país tem que fazer a parte deles que é acompanhar diariamente seus filhos nas tarefas e comportamentos, não deixar só por conta das escolas, tem muitos pais relaxados que criam seus filhos relaxadamente e quando ficam reprovados, por não reconhecerem suas falhas, colocam a culpa nas escolas. Devemos dar a devida atenção aos nossos filhos, é dever nosso. Voltando ao assunto amigo, ou você não tem filhos, ou está cheio da grana e pode perfeitamente pagar com folga uma escola particular que de cara, ao iniciar o ano você paga na matrícula por volta de 500 reais ou mais, ainda tem os livros que custam no mínimo uns 2 mil reais e ainda tem os materiais que entre vários outros duas resmas de papel a4, inclusive tem algumas que pedem além de copos descartáveis, papel higiênico. Ou seja você paga por volta de 2.500 a 3.000 reais no mínimo, isso se a pessoa tiver somente um filho, agora imagina quem tiver dois ou mais filhos, faça aí as contas... Quer denunciar amigo? Denuncie coisas realmente relevantes, que é o que não falta neste país cujo custo de vida está cada vez mais caro. Pagamos um absurdo de impostos e não somos favorecidos em nada, saúde precária, educação péssima, segurança zero ou seja o país está jogado no abismo enquanto isso empresários e políticos estão de boa. E você fazendo aí uma denunciazinha dessas amigo? Ora faça-me um favor...

    ResponderExcluir