WebBanner_IPTUsite2

quinta-feira, 22 de maio de 2014

Câmara discute a política de saúde no município de São Luís

O debate aconteceu durante a realização de um painel de autoria da vereadora Rose Sales (PC do B).

Para a vereadora, a secretária expôs com transparência as dificuldades, e melhorias na pasta da saúde.



A Câmara Municipal de São Luís realizou um painel, de autoria da vereadora Rose Sales (PCdoB), na manhã de terça-feira (20), para discutir sobre o tema “Política de Saúde do Município de São Luís: Desafios e Avanços”. 


Foram convidados para integrar a mesa do painel: a gestora da Secretaria Municipal de Saúde (Semus), Helena Duailibe; o diretor geral dos Hospitais Socorrão I e II, Ademar Branco Bandeira; o vice-presidente do Conselho Municipal de Saúde, Marcelo Rosa; o presidente da Associação dos Servidores do SAMU, Lindomar Gomes da Silva; e a diretora do Hospital da Criança, Virgínia Maria Bezerra Barbosa. 

Na oportunidade Rose Sales (PC do B), falou sobre os encaminhamentos que seu mandato provocou com representação feita junto aoMinisté rio Público Estadual (PM), a vereadora lembrou que após várias audiências públicas da saúde no MP foi assinado no dia. 13.05.14 um Termo de Ajustamento de Conduta (TAC), em favor das garantias da política de saúde para população de São Luis, e estabelecido compromisso pelo município no que tange: à valorização dos profissionais da saúde; regulamentação de carga horária; reforma das unidades de saúde, no prazo de um ano; garantia de medicamentos, insumos, materiais médico-hospitalares, no prazo de 120 dias, e regularização do funcionamento dos CAPS AD. 

Rose Sales destacou ainda, as vistorias que realizou com o apoio da Semus e Ministério Público nos postos de saúde: do Anil; São Bernardo; Posto Comunitário do João de Deus; Tibiri e CTA do Anil. “Fiz vários questionamentos juntamente com as instituições e sociedade civil, sobre segmentos, e especialidades que não são devidamente assistidos”.


A vereadora lembrou a importância do Ministério Público, através da Promotoria da Saúde, em todo o processo que resultou no TAC da Saúde. 

“Quero registrar a importância do rigor e a competência que teve o MP, especificamente a Promotoria da Saúde, em todo esse processo que construímos, até fecharmos o TAC da Saúde.

Chamando à responsabilidade para município de São Luís, propondo e contribuindo com para construção dessa política municipal, com base nas garantias dos direitos fundamentais da população da nossa cidade”, disse.

Para a vereadora, a secretária expôs com transparência as dificuldades, e melhorias na pasta da saúde. Segundo a parlamentar, correspondendo ao objetivo da realização do painel. 

Para Helena Duailibe a parceria com o legislativo é fundamental na abertura do diálogo entre a Câmara e Secretaria de Saúde do município, em cima do que se deve avançar para melhoria da qualidade de atendimento da população. 

“Nossa vinda na Câmara faz parte da parceria fundamental que deve haver entre os entes, hoje não se pode falar em atendimento de saúde sem estarmos de braços dados, o governo estadual e o governo federal, também têm sido grandes parceiros do município, , observou Helena Duailibe.

Nenhum comentário:

Postar um comentário